Alerta: desafio faz jovem morrer após comer bicho e ter corpo paralisado

Lúcio Borges

O caso não é nem no Brasil, mas serve de alerta quanto aos perigos de bichos venenosos e das brincadeiras de mal gosto, que podem acabar em tragédias. Assim, aconteceu com ex-jogador de rúgbi Sam Ballard, que sofreu por mais de um ano e acabou morrendo aos 28 anos, na última sexta-feira (02). Ele foi vítima de paralisia provocada após comer uma lesma em ‘demonstração de coragem aos amigos’, que o desafiaram. Ele contraiu um tipo de meningite (chamada eosinofílica) ao comer um caramujo há oito anos. Desde então, seu corpo ficou paralisado.

De acordo com o portal G1, o jovem estava bebendo com os amigos quando viu uma lesma passar por eles. Ele foi provocado pelos amigos e desafiado a comer o animal. Na época ele tinha 19 anos e engoliu o bicho vivo. A doença deixou Ballard então primeiramente, em coma por 420 dias. Quando acordou, seu corpo estava paralisado.

Os efeitos de ter comido o animal só foram aparecer dias depois, quando o jovem começou a se sentir mal e com dores nas pernas. Após exames o diagnóstico mostrou que Ballard contraiu a meningite eosinofilica, que pode ser contraída através de contato com caramujos e lesmas que são hospedeiros naturais da doença.

O caso de Sam causou comoção popular e ganhou os jornais australianos, que mostraram a luta da mãe de Ballard para cuidar do filho. Segundo a imprensa local, Sam passou os últimos dias cercado pelos amigos e pela mãe.

Friends and family are mourning the death of Sam Ballard, the Sydney man who fell into a coma after eating a slug eight years ago.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu cometário!
Por favor, insira seu nome aqui