Agentes encontram celulares e drogas no semiaberto feminino da capital

Foto:Divulgação/Agepen

Uma operação pente-fino realizado Estabelecimento Penal Feminino de Regime Semiaberto, Aberto e Assistência à Albergada de Campo Grande, resultou na apreensão de diversos ilícitos.

Segundo a diretora do presídio, Rita Luciana Domingues, que comandou a vistoria na unidade foram apreendidos 30 aparelhos celulares, 19 carregadores, 8 baterias avulsas, 9 fones de ouvido, 2 cartões de memória e 1 chip avulso, além de 115 gramas maconha.

A operação aconteceu em todas as dependências do presídio e contou com a participação de 15 servidores da unidade e 16 estagiárias que estavam sendo acompanhadas e supervisionadas pela diretora Rita Luciana.

Segundo o diretor-presidente da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen), Ailton Stropa Garcia, o trabalho desenvolvido no Semiaberto feminino teve por finalidade colocar em prática as instruções recebidas no curso de formação. “A ideia é agir de forma rápida em qualquer situação a fim de coibir comportamento indevido por parte das internas”, destaca.

Comentários