Agentes de saúde fazem protesto e no final declaram apoio ao prefeito

Aproximadamente 400 agentes de saúde protestaram, na manhã desta quinta-feira (20), em frente a Prefeitura Municipal de Campo Grande. O grupo reivindicou a plataforma de cursos de capacitação online. Os agentes se concentraram na rua Bahia com e Afonso Pena, e seguiram para a prefeitura.

Aproximadamente 400 agentes protestaram na manhã desta quinta-feira (20). Foto: Ivan Silva
Aproximadamente 400 agentes protestaram na manhã desta quinta-feira (20). Foto: Ivan Silva

De acordo com o presidente do Sindicato dos Funcionários e Servidores Municipais de Campo Grande (Sisem), Marcos Taboza, os agentes são contratados para trabalhar oito horas por dia, sendo que duas delas seriam fazendo cursos online. “O que foi combinado não está sendo cumprido. Estamos aqui para reivindicar o nosso direito”, explicou. Ainda de acordo Taboza, foi feita uma denúncia ao Ministério Público Estadual (MPE), informando que os agentes não estavam cumprindo a jornada de trabalho diária de oito horas.

Prefeito foi ovacionado por manifestantes. Foto: Ivan Silva
Prefeito foi ovacionado por manifestantes. Foto: Ivan Silva

Após os agentes se concentrarem em frente ao Paço, o prefeito Gilmar Olarte (PP) foi ao encontro dos manifestantes e defendeu a mobilização dos trabalhadores. “Vocês estão certos em cobrar algo que é direito. Hoje, às 14h, realizaremos uma reunião com a Secretaria de Administração para resolver esse problema. A plataforma de curso será implantada”, assegurou Olarte.

Gilmar encerrou seu encontro com os servidores sendo ovacionado ao dizer que a saúde é algo muito importante e que os agentes são “as meninas dos olhos do prefeito”. O grupo também declarou apoio a Olarte. 

Kerolyn Araújo

Comentários

comentários