Ação conjunta prende trio suspeito de roubo a joalheria

Ação conjunta entre as policias Civil e Militar de Caarapó resultou na prisão de três suspeitos de participação no assalto ocorrido na manhã desta sexta-feira (20/7) em uma relojoaria da cidade. O roubo ocorreu por volta de 9h no estabelecimento localizada na avenida Barão do Rio Branco, na área central da cidade.

Trio foi preso pela polícia de Caarapó – Crédito: Caarapó News

De acordoc com o CaarapoNews, após analisarem imagens feitas por câmeras de circuito interno, a polícia passou a investigar o caso e chegou até os acusados, que estavam escondidos em uma residência no bairro Shalon.

Alisson Jhone Batista, Carlos Augusto Cranolisk e Elielson Paulino Maciel, acabaram flagrados no local, segundo o site.

Na casa, os policiais encontraram objetos levados e duas armas utilizadas no crime, um revólver e uma pistola.

Trio foi preso pela polícia de Caarapó – Crédito: Caarapó News

De acordo com o delegado Anézio Rosa Andrade, os acusados fazem parte de uma facção criminosa, sendo um deles evadido do regime semi-aberto.

O roubo

Os criminosos chegaram a joalheria de moto e renderam o segurança, funcionários e proprietários da empresa, anunciando o assalto em seguida. Momentos depois eles fugiram carregando um saco com diversos objetos do estabelecimento, entre eles jóias e semi-jóias.

Comentários