Ação conjunta entre Procon, Decon e Crefi interdita academia da Capital

Da Redação

Academia foi interditada após constatação de irregularidades (Foto: Divulgação)

Academia de condicionamento físico localizada na avenida Fábio Zahran foi interditada  em ação realizada  em parceria entre a Superintendência para Orientação  e Defesa do Consumidor –Procon/MS, órgão integrante  da Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho – Sedhast,  Delegacia do Consumidor (Decon/MS) e Conselho Regional de Educação Física – Crefi 11, atendendo a solicitação por meio de ofício, do Crefi.

No local, denominado Studio Xtreme Funcional, foram  detectadas várias irregularidades. Entre estas ressalte-se a ausência de documentação fundamental atualizada. O Alvará de  Localização e Funcionamento, por exemplo, estava vencido desde o mês de agosto do corrente ano. Outro fator que levou à interdição trata-se do endereço que consta no Alvará, mesmo vencido, que é diferente do local onde prestava os atividades de condicionamento físico e outros nas modalidade.

Também não foi apresentado registro do  estabelecimento junto ao Conselho de Educação Física. A interdição é por tempo indeterminado, ou seja, até que os responsáveis sanem as irregularidades e protocolem documentos comprobatórios na sede do Procon Estadual e, com isso, possam voltar a prestar os serviços especializados.

Comentários