Abertas propostas de licitação para reforma de terminais de Campo Grande

Da Redação

Divulgação

A reforma dos terminais Bandeirantes, Guaicurus e Júlio de Castilho, pode custar até 20,53%  mais barata que o orçamento de referência previsto no edital de licitação. Nesta sexta-feira (27),  a Comissão de Licitação abriu as propostas das três empresas participantes da concorrência (Construtora Paulo Barbosa, LT Construções e Comércio e NXS Engenharia).

O orçamento mais baixo , o da Paulo Barbosa, no valor de  R$ 1.874.132,17, tem um desconto de R$ 496.894,78 sobre o preço de referência, R$ 2.371.026,95. A NXS propôs executar a reforma dos terminais por R$ 2.049.437, 77 (desconto de 13,56%, R$ 321;589,18). A LT Construções e Comércio, deu um desconto de  R$ 283.05,69 (11,93%), orçando a obra em R$ 2.087.971, 26 . Passada esta etapa, a Comissão de Licitação vai analisar se as propostas são compatíveis com as planilhas apresentadas. A partir desta semana, o resultado da concorrência será homologado.

O projeto de reforma dos terminais inclui banheiros, instalação de  bebedouros, revisão das instalações elétricas; hidráulicas; plano de segurança contra incêndio e pânico; cobertura; reforço do piso rígido do pátio; piso rígido,  pintura geral; troca dos bancos; sala para descanso dos funcionários; área  para estacionamento de bicicleta (bicicletário) com 44 bicicletas ; guarita dos guardas municipais ou seguranças e grades móveis para o fechamento dos terminais durante a madrugada, quando não há circulação de ônibus.

De acordo com técnicos da Agência Municipal de Transporte e Trânsito (Agetran), para evitar a ação de vândalos, que depredam as estruturas durante a madrugada, os terminais serão fechados  quando o último ônibus deixar suas plataformas, com um vigilante na guarita – que será construída.

Outra inovação é a instalação de bicicletários, trazendo para Campo Grande uma intermodalidade comum em outros centros. Os usuários poderão se deslocar de bicicleta até os terminais, onde poderão deixar suas “magrelas”  com segurança, até o retorno para casa.

Comentários