A quatro dias da reapresentação, Pato ainda tem futuro incerto no Timão

Alexandre Pato deve retornar ao Corinthians (Foto: Globo Esporte)
Alexandre Pato deve retornar ao Corinthians (Foto: Globo Esporte)

Alexandre Pato começa 2016 mergulhado em incertezas. Ele, o Corinthians e todos os empresários envolvidos não conseguiram encontrar na Europa uma boa proposta para negociá-lo.

Com a reapresentação do elenco marcada para o dia 6 de janeiro, o atacante já apareceu no BID da CBF como jogador do clube e provavelmente voltará a treinar no CT Joaquim Grava, mas está longe de ser uma opção no grupo comando por Tite.

Depois de várias sondagens ao longo de 2015, Pato e Corinthians ainda acreditam que boas ofertas surgirão com a abertura do mercado europeu. O atacante sonha jogar na Europa, onde chegou a assistir a uma partida do Chelsea durante as férias. A janela inglesa vai de 2 de janeiro a 1 de fevereiro.

Pato já avisou aos dirigentes corintianos que não pretende aceitar ofertas de mercados menores, como o árabe e o asiático. O Timão ainda tenta convencê-lo a mudar de ideia, sobretudo depois de algumas sondagens de equipes chinesas. No entanto, o jogador de 26 anos acredita que recuperou a forma e que poderá atuar em alto nível novamente em algum clube do Velho Continente.

Outro valor que dificulta qualquer transação é o pedido pelo Corinthians. O clube quer  € 25 milhões (R$ 107 milhões) por 100% dos direitos econômicos – o Timão é dono de 60%. Se Pato abrir mão de seus 40%, a diretoria corintiana topa fechar o negócio até por € 15 milhões (R$ 64 milhões). Vale lembrar que, anteriormente, ela não conseguiu propostas de € 10 milhões (R$ 43 milhões).

Pato tem vínculo com o Corinthians até o fim de 2016. Ou seja, a partir do meio do ano já pode assinar um pré-contrato com qualquer outra equipe e se transferir em janeiro de 2017.

Voltar a treinar no CT Joaquim Grava não era bem o que Pato planejava depois da boa temporada que teve pelo São Paulo. O jogador não tinha bom relacionamento com parte do elenco alvinegro e ficou marcado pelo pênalti perdido nas semifinais da Copa do Brasil de 2013, contra o Grêmio, em Porto Alegre.

Tite, porém, trabalha para amenizar o clima tenso e fazer com que o jogador tenha uma boa recepção no reencontro com o elenco corintiano. Desde o fim do Brasileirão, o treinador vem elogiando o atacante e dizendo que gostaria de tê-lo no elenco para disputar a Libertadores. Ele chegou até admitir que já pensa em colocá-lo pelo lado esquerdo do ataque.

O Corinthians viaja para fazer a pré-temporada nos Estados Unidos no dia 13 de janeiro. Até lá, empresários, dirigentes e o próprio Alexandre Pato seguirão em busca de uma boa oferta. Europeia, de preferência.

Globoesporte

Comentários

comentários