PMDB confirma representação coletiva contra vereadora Luiza Ribeiro

Luiza RibeiroO PMDB oficializa ação coletiva em nome do partido, coordenada pelo presidente estadual da legenda e presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, deputado estadual Junior Mochi, medida que já havia sido tomada individualmente pelo ex-governador André Puccinelli.

Principal nome do PMDB, o ex-governador e outros integrantes do partido foram apontados durante depoimento da vereadora como envolvidos em “um esquema de corrupção em serviço de tapa-buracos, lixo e cascalhamentos, para fins escusos, dentre eles, de perpetuação no poder”.

Segundo depoimento da vereadora ao MPE – que vazou de forma ainda não esclarecida – o suposto esquema teria sido criado durante a primeira gestão de Puccinelli à frente da prefeitura da Capital, se consolidado durante a gestão de Nelson Trad Filho e chegado ao seu clímax durante a gestão Gilmar Olarte (PP).

Na representação, o partido exige uma retratação por parte da vereadora, ou a comprovação das alegações e sinaliza com a abertura de um processo judicial, semelhante àquele já iniciado pela assessoria jurídica do ex-governador, por calúnia e difamação

Silvio Ferreira

Comentários

comentários