15 pessoas engasgam com bolinho de massa de arroz e 2 morrem

Com informações Alternativa/SM

 

Foto: Reprodução

Tóquio – Duas pessoas de aproximadamente 50 e 80 anos, residentes em Tóquio, morreram asfixiadas após engasgarem com mochi no primeiro dia deste ano. Em toda a capital japonesa, ao menos 15 pessoas foram parar nos hospitais por causa do mesmo problema, sendo que sete estão em estado grave, informou o jornal Asahi.

O mochi, uma massa homogênea feita 100 por cento de arroz, é um ingrediente indispensável na mesa dos japoneses durante o Ano Novo. Ele é servido dentro de uma tradicional sopa chamada zoni, ou ozoni, preparada geralmente nos primeiros dias de janeiro.

O mochi, no entanto, chega a causar a morte de pelo menos 100 pessoas durante um ano. A massa adquire uma consistência pegajosa quando é aquecida e pode ficar presa na garganta, se não foi ingerida com cuidado e em pequenas porções.

O problema atinge principalmente idosos, que acabam morrendo antes de serem socorridos.

Segundo um levantamento da Comissão de Segurança Alimentar do Japão, de cada 100 milhões de pessoas que ingerem mochi durante o ano, oito acabam morrendo engasgadas. O índice é bem superior aos casos envolvendo asfixia por bala, por exemplo, com três vítimas.

O Corpo de Bombeiros da Tóquio alertou para os cuidados necessários durante a ingestão do alimento. A recomendação é para que as pessoas cortem o mochi em pedaços pequenos e engulam após mastigar cuidadosamente.

Foto: Reprodução

Comentários