Vigia de casas é rendido por três e morto com 13 facadas

Divulgação: Dourados
Divulgação: Dourados

O vigia de casas João de Deus Almada, 71 anos, foi encontrado morto com 13 facadas e pauladas na noite desta quinta-feira (17), em Amambai – a 340 km de Campo Grande. De acordo com a polícia ele foi agredido por três homens, pois o policiamento foi acionado para conter uma briga entre quatro pessoas. O Corpo de Bombeiros foi chamado e encaminhou a vítima desacordada ao Hospital Regional. Nenhuma arma usada no crime foi encontrada no local.

Segundo o boletim de ocorrência, por volta das 23 horas, a polícia foi acionada para uma briga envolvendo quatro pessoas, sendo que João que era agredido por três rapazes. De acordo com uma testemunha que viu parte da agressão, a vítima era vigia noturno com a função de cuidar das casas que pertenciam a região próxima ao conjunto Alphaville.

Conforme a testemunha, quando João realizava sua ronda pelo local, os três homens começaram a agredi-lo com porretadas e facadas. João foi atingido com cinco facadas na região do abdômen, uma na perna direita, uma no ouvido esquerdo, seis nas costas e que também teria levado uma paulada no ombro esquerdo e uma no rosto.

Logo após os fatos, o indígena Edgar Garcia, foi detido por outra equipe policial pois havia furtado uma bicicleta de cor vermelha, e estava com várias marcas de sangue em suas roupas, semelhantes aos autores do homicídio.

Ao retornar ao Hospital para saber o estado de saúde da vítima, em contato com a enfermeira do hospital, a polícia foi informada que João foi óbito. Foi recolhido no local um apito, um estilingue e um lenço.

Comentários

comentários