Vereadores são afastados e Gaeco faz buscas na Câmara

Desde as primeiras horas desta quarta-feira (06), equipes do Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul (MP-MS), realiza uma operação nas dependências da Câmara Municipal de Anaurilândia.

Equipes do Gaeco da Capital estão em Anaurilândia - Jornal da Nova
Equipes do Gaeco da Capital estão em Anaurilândia – Jornal da Nova

A ação visa realizar a apreensão de documentos e também solicitar o afastamentos de três vereadores, que ainda não tiveram seus nomes revelados. O Nova News apurou que não há mandados de prisão a serem cumpridos. Os trabalhos seriam coordenados pelo promotor de Justiça Allan Thiago Barbosa Arakaki.

O Ministério Público apura o desvio de verba da Câmara Municipal. As ordens foram expedidas pelo juiz da Comarca de Anaurilândia e atendem pedido do MP-MS. O Nova News acompanha o caso e, em breve, trará mais detalhes.

Leia também: MP quer que vereadores e ex-vereadores de Anaurilândia devolvam pagamento de sessões extraordinárias

Comentários

comentários