Vereador Flávio César vai assumir prefeitura de Campo Grande

“Esta Casa de Leis que é escrava do seu regimento interno, que mostra em seu artigo 62, no caso de impossibilidade do prefeito da cidade e do prefeito da Câmara de Vereadores sendo impedidos de ocuparem os cargos, quem assume neste período de afastamento seria o seu sucessor que no caso é vice-presidente desta casa, e a cadeira de Presidente seria assumida pela 2ª vice-presidência Thais Helena (PT)”, informou o vereador Flávio César (PTdoB), que deve assumir interinamente o cargo de prefeito de Campo Grande.

Vereador Flávio César PTdo B, vai assumir a prefeitura
Vereador Flávio César PTdo B, vai assumir a prefeitura

Em coletiva a pouco ele disse que em reunião com procuradores jurídicos da Casa, do Município e os demais vereadores, foi estudado todo o rito para que as proveniências sejam tomadas.

“Em cumprimento judicial deverá o procuradoria da Casa trabalhar na formalidade do trâmite, para que até o final do dia seja expedido um termo, para que eu (Flávio César) de posse para Thais Helena na presidência do legislativo municipal e na sequência ela daria posse a mim como prefeito interino, até que a Justiça trabalhe nas investigações sem que nós atrapalhemos as investigações”, afirmou Flávio César.

Além de Flávio César e Thais Helena, participaram do pronunciamento os vereadores Carla Stephanini (PMDB), Chiquinho Telles (PSD), Saci (PRTB), Ayrton Araújo (PT), Alex (PT), Paulo Pedra (PDT), João Rocha (PSDB), Herculano Borges (SD), Otávio Trad (PTdoB) e Eduardo Romero (PTdoB).

Comentários

comentários