Veja o que abre e o que fecha no feriado da Independência

No feriado da Independência do Brasil, nesta quarta-feira (7), os campo-grandenses devem se atentar às mudanças de horário de alguns estabelecimentos. Confira o que abre e o que fecha na cidade e as alterações de expediente.

shopinde
No feriado, as lojas âncoras, áreas de lazer e a Praça de Alimentação funcionam das 10 às 22 horas

Transporte Coletivo
Os ônibus circulam conforme a tabela de horário de domingo.

Comércio
O funcionamento do comércio em Campo Grande será facultativo, de acordo com informações da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso do Sul (Fecomércio-MS).

Bancos
As agências bancárias não abrem. Os bancários decretaram greve e não previsão de retomarem as atividades.

Supermercados
Conforme Associação Sul-mato-grossense de Supermercados (Amas), todos os estabelecimentos abrem normalmente, conforme horário de feriado.

Correios
Não haverá expediente nos correios nesta segunda-feira.

Feira Central
A Feira Central funciona normalmente a partir das 16h.

Mercadão Municipal
Segundo a assessoria do estabelecimento, o Mercado Municipal funcionará das 6h30 às 12h.

Shoppings

Bosque dos Ipês irá funcionar em horário especial: a praça de alimentação funcionará das 10 às 22 horas. Área de lazer, das 11 às 22 horas. Lojas âncoras do shopping funcionarão das 12 às 21 horas e lojas satélites das 14 às 20 horas.

Shopping Campo Grande

No feriado, as lojas âncoras, áreas de lazer e a Praça de Alimentação funcionam das 10 às 22 horas. Lojas e quiosques ficam abertos ao público das 12 às 20 horas.

Pátio Central

O shopping fica fechado durante todo o dia

Centros de Saúde
Centro Regional de Saúde e Unidade de Pronto Atendimento Médico funcionam normalmente.

Lotéricas
As lotéricas não abrem. Contas com vencimento na data poderão ser pagas amanhã. As unidades funcionam normalmente mesmo com a greve dos bancários.

Judiciário
Tribunal de Justiça e Fórum Eleitoral não terão expediente hoje, mas funcionam em regime de plantão para casos de urgência.

Órgãos públicos
Não há expediente nas repartições públicas municipais e estaduais hoje. Apenas os serviços considerados essenciais funcionarão, como saúde e segurança.

Comentários

comentários