União libera R$ 10 milhões para obras em 22 municípios

Dezenas de municípios sul-mato-grossenses vão receber R$ 10 milhões para investimento em obras e projetos. Os recursos foram liberados pelo Governo federal por meio de emendas propostas pelo senador Waldemir Moka (PMDB).

Senador Moka acompanhou governador Reinaldo Azambuja para pleiterar recursos com ministro do Turismo, Henrique Eduardo Lyra Alves (Foto: Divulgação)
Senador Moka acompanhou governador Reinaldo Azambuja para pleiterar recursos com ministro do Turismo, Henrique Eduardo Lyra Alves (Foto: Divulgação)

Vão ser beneficiados Alcinópolis, Aral Moreira, Bataguassu, Bodoquena, Bonito, Caracol, Corguinho, Costa Rica, Coxim, Dois Irmãos do Buriti, Douradina, Dourados, Itaquiraí, Ivinhema, Jardim, Jatei, Laguna Carapã, Maracaju, Paranaíba, São Gabriel do Oeste, Sete Quedas e Vicentina.

A maior parte dos recursos é destinada a obras de infraestrutura, tanto em ruas, nas áreas urbanas, quanto em estradas vicinais e para aquisição de equipamentos. O dinheiro já se encontra depositado na conta das prefeituras.

Entre as obras destacam-se construção de pontes, pavimentação asfáltica, construção de praças, construção de Centro de Convenções, revitalização de equipamentos urbanos, construção de equipamentos urbanos esportivos, drenagem de águas pluviais.

E ainda: construção de equipamentos turísticos, ampliação de unidades de Saúde, compra de máquinas, construção de centro de eventos, aquisição de equipamentos agrícolas, recapeamento de ruas e estradas.

O senador Moka diz que a busca por recursos para os municípios é obrigação do parlamentar para atender às necessidades locais. “Além dos trabalhos legislativos, de discutir e aprovar projetos, o parlamentar também deve apoiar Estados e municípios”, explica.

Mesmo com o Congresso Nacional em recesso, a partir desta quarta-feira (23), Moka e sua equipe vão permanecer trabalhando para a liberação de mais recursos para Mato Grosso do Sul. “Temos de ficar em cima dos ministérios. O pouco que entrar no restante do ano já ajuda”, diz o senador.

Comentários

comentários