Tsunamis gerados por terremoto de 7 graus Richter atingem ilhas no Sudoeste do Japão

Foto: Arte baseada em fotos de satélite – BNO News

Um abalo sísmico de magnitude 7 na escala Richter atingiu nesta sexta-feira costa sudoeste do Japão, informou o centro de Vigilância Geológica norte-americano (USGS).

Segundo a USGS, o epicentro do abalo foi registrado a 160 quilômetros da cidade de Makurazaki.

Autoridades japonesas revelaram que o abalo causou vários tsunamis, de pequenas dimensões, que atingiram algumas ilhas. Não houve registro de danos graves. As autoridades locais aconselharam a população a deslocar-se para áreas mais elevadas.

As autoridades temem que tsunamis maiores possam surgir cerca de uma hora após o abalo sísmico, que se verificou às 18h51, no horário de Brasília. As ilhas japonesas estão situadas numa falha das placas tectónicas e que anualmente regista abalos violentos.

O último grande abalo sísmico registrado no Japão foi em março de 2011, com um tsunami que atingiu violentamente a costa Norte do Japão. Além de milhares de vítimas e da destruição de comunidades, as águas atingiram o sistema nuclear de Fukushima, danificando três reatores.

O desastre nuclear, o pior desde a tragédia de Chernobyl, em abril de 1986, na antiga União Soviética, deixou uma grande área sem possibilidade de ser habitada ou explorada durante décadas.

Fonte: Agência Brasil

Comentários

comentários