TRE-MS lança campanha para acessibilidade do eleitor

No dia 21 de setembro é lembrado o Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência

Em alusão ao tema, na última segunda-feira (21), o TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) deu início a uma campanha institucional de sensibilização da pessoa com deficiência ou mobilidade reduzida, que está sendo veiculada por meio de outdoors instalados na Capital e cartazes que serão afixados no interior do Estado.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Com a pergunta: “Eleitor, você precisa de atendimento especial?”, a campanha visa facilitar o atendimento ao eleitor com necessidades especiais no dia da eleição, por meio de chamamento deste eleitor até o Cartório Eleitoral.

A única forma de garantir a mudança do eleitor para outra seção especialmente adaptada às suas necessidades é por meio de informação do próprio eleitor sobre sua situação, à Justiça Eleitoral.

Assim, o eleitor nestas condições pode procurar o Cartório Eleitoral da sua cidade, levando um documento com foto e comprovante de residência, para informar sua necessidade e, se for o caso, solicitar a mudança do local de votação para uma seção que lhe seja mais acessível.

Para as pessoas com deficiência, a Justiça Eleitoral prevê que os locais de votação sejam de fácil acesso, com instalações que atendam às normas da ABNT, além disso, as urnas possuem sistema de áudio e teclado em braile como recurso auxiliar aos deficientes visuais.

A ampliação de um melhor atendimento aos eleitores com deficiência ou mobilidade reduzida é uma meta constante da Justiça Eleitoral, que atualmente possui registro de 4598 eleitores com deficiência em Mato Grosso do Sul.

Comentários

comentários