Tigres vence de virada na Bolívia e abre vantagem na Libertadores

Depois de tomar um susto logo no início da partida, o Tigres confirmou o favoritismo e venceu ontem o Universitário de Sucre, fora de casa, por 2 a 1, abrindo boa vantagem para definir no México a classificação para as quartas de final da Copa Libertadores da América.

Time do brasileiro Rafael Sóbis está muito perto das quartas de final da Libertadores
Time do brasileiro Rafael Sóbis está muito perto das quartas de final da Libertadores

No primeiro minuto de jogo, Ignacio González colocou os bolivianos em vantagem após escanteio. Leonardo Castro desviou na primeira trave, e o zagueiro uruguaio, livre, tocou no canto superior, sem chances de defesa para o goleiro Nahuel Guzmán. A virada do Tigres só veio no segundo tempo, após o Universitário desperdiçar várias oportunidades de ampliar ainda na etapa inicial.

Para os 45 minutos finais, o técnico brasileiro Ricardo Ferretti resolveu tirar Joffre Guerrón do jogo, apostando na entrada de Enrique Esquerda, uma alteração que deu resultado. Dez minutos depois de entrar em campo, aos 10min, o mexicano recebeu belo passe do brasileiro Rafael Sóbis, ex-Fluminense, nas costas da defesa, driblou o goleiro com facilidade e empatou a partida.

A virada ocorreu aos 17min, quando Damián Álvarez dominou pelo lado esquerdo da área, deixou o zagueiro Jorge Cuéllar no chão e tocou rasteiro após a saída do goleiro.

Segundo melhor primeiro colocado da fase de grupos da Libertadores, o Tigres agora pode até perder por 1 a 0 em casa para avançar para as quartas de final da competição. A partida de volta está marcada para a próxima terça-feira, no Estádio Universitário de Monterrey.

TERRA

Comentários

comentários