Surfista sofre ataque de tubarão mas escapa e passa bem

Um surfista australiano foi mordido por um tubarão na manhã desta terça-feira, em Shelly Beach, cerca de 70 quilômetros ao norte de Sydney. Este foi mais um entre outros ataques que ocorreram nos mares do país durante as últimas semanas.

Foto: Chris Hyde / Getty Images
Foto: Chris Hyde / Getty Images

“Eu vi que ele (tubarão) estava submerso e que subiu se debatendo sobre mim”, disse Justin Daniels, de 42 anos, ao Australian Broadcasting Corporation, acrescentando que tentou se livrar do animal.

O surfista afirmou só ter notado as marcas de dentes na mão após sua chegada na praia. Em terra firme, a vítima expressou alívio ao se conscientizar de que o pior por pouco não aconteceu.

“Ele poderia facilmente ter arrancado minha mão ou meu braço. Foi muito assustador. Tive muita sorte”, relatou Daniels.

O incidente aconteceu poucos dias depois de um homem de 65 anos ter sido mordido no tornozelo por aquilo que ele pensava ser um grande tubarão branco em Black Beach Head, cerca de 225 quilômetros de Sydney.

Em agosto, muitas praias do estado de Nova Gales do Sul foram fechadas depois que um bodyboarder foi gravemente ferido por um tubarão. Semanas antes, um surfista recebeu ataques severos no braço e perna em Evans Head, no extremo norte do estado, mesma área em que um surfista japonês morreu em fevereiro após ter as duas pernas arrancadas por um tubarão.

Em julho deste ano, o tricampeão mundial de surfe, o também australiano Mick Fanning, foi surpreendido por um tubarão durante a final da etapa sul-africana do WCT, em Jeffreys Bay. Na ocasião, o atleta conseguiu se desvencilhar do bichano antes do resgate chegar.

GAZETA ESPORTIVA

Comentários

comentários