Solurb retorna as atividades, mas coleta ainda é pouco vista na Capital

A Solurb está coletando lixo na região Central, Sul e Oeste de Campo Grande neste sábado (19), segundo informações do presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Asseio e Conservação de Mato Grosso do Sul (Steac-MS), Wilson Gomes. A coleta será paralisada no período da noite e retornará na segunda-feira (19).

Coletores limapram parte da reião Central nesta manhã Foto Paulo Francis
Coletores limapram parte da reião Central nesta manhã Foto Paulo Francis

Cerca de 70% dos caminhões voltaram ao serviço. A coleta nesta manhã (19), ocorrereu na região dos bairros Coophavila, São Conrado, Santa Emília, União e Pioneiros.

O retorno ao trabalho aconteceu depois de a prefeitura fazer o depósito de um R$ 1,5 milhão para pagar os salários dos trabalhadores da empresa de agosto. A Solurb ainda reclama que está sem receber pelo serviço há três meses. Segundo a empresa, a dívida atinge R$ 34 milhões.

Mesmo com o anuncio de fim da greve dos trabalhadores da Solurb, concessionária responsável pela coleta de lixo de Campo Grande, é nítido perceber que a empresa ainda terá muito trabalho pela frente até voltar a sua normalidade. A decisão de retorno das atividades foi tomada após a conciliação realizada na manhã de ontem(18) entre a empresa e o sindicato.

O Página Brazil fez um giro por diversas regiões da Capital na manhã deste sábado(19), e pode notar que apesar da visível diminuição da quantidade de lixo na rua, ainda há muitos pontos da cidade que ainda aguardam a coleta.

Apenas em rua principal é nítida a limpeza. (Foto: Paulo Francis)
Apenas em rua principal é nítida a limpeza. (Foto: Paulo Francis)

Na área central de Campo Grande, como Avenida Afonso e ao entorno da Praça Ary Coelho a maioria das lixeiras estão limpas, porem uma rua abaixo, na Rua 15 de Novembro a situação não está tão boa assim. Para a vendedora ambulante, Evanilda Rosa, 60 anos, ficar em seu ponto de venda não está nada fácil desde que a coleta parou em toda cidade. “Está muito ruim aqui, fica fedendo o dia todo. Quem sofre é a população e nós não temos nada a ver com esses problemas da empresa com a prefeitura. Ouvi dizer que uma empresa estava limpando por conta a cidade, mas aqui ainda não veio”, afirma a ambulante.

Ambulante é obrigada a conviver com mau cheiro durante o período de trabalho. (Foto: Paulo Francis)
Ambulante é obrigada a conviver com mau cheiro durante o período de trabalho. (Foto: Paulo Francis)
Taxista é flagrado retirando saco de lixo do  meio da rua. (Foto: Paulo Francis)
Taxista é flagrado retirando saco de lixo do meio da rua. (Foto: Paulo Francis)

Porem segundo o taxista Antônio Tolentino, 73 anos, que mesmo sendo flagrado pela equipe de reportagem retirando um saco de lixo do meio da rua, alega que a situação melhorou bastante comparado a alguns dias atrás. “Ainda tem bastante lixo, mas antes tinha muito mais. O prefeito já mandou fazer a limpeza, logo logo o caminhão já deve estar passando por aqui. Eu só acho o seguinte, eles gastaram mais de R$100 milhões de reais com a empresa, se a prefeitura comprasse caminhões próprios com esse dinheiro, com certeza o valo da coleta seria muito mais barato”, diz Antônio.

O construtor afirma que retirou o lixo da obra por conta própria e deixou mensagem a população e governantes. (Foto: Paulo Francis)
O construtor afirma que retirou o lixo da obra por conta própria e deixou mensagem a população e governantes. (Foto: Paulo Francis)

O construtor Nilson Ventura, 26 anos, conta que a cerca de 4 dias tem há vários sacos de lixo orgânico acumulado em frente ao seu local de trabalho. “Fiquei sabendo que o pessoal já esta fazendo a limpeza, mas por enquanto esqueceram desta rua. O lixo da construção nós mesmos jogamos fora por conta, agora estes outros aqui não tivemos como levar. O ruim é que como já tem lixo aqui, as pessoas passam e aproveitam para jogar mais, por isso cada vez mais aumenta a quantidade”, alega o trabalhador.

Nilson ainda pede para deixar uma mensagem a toda população e bom como a todas autoridades políticas da Capital. “Deus criou o céu que por sinal já está todo poluído, e a nossa terra não vamos cuidar?”, questiona o construtor.

Equipe varre ruas e organiza em pilhas lixo da área central. (Foto: Paulo Francis)
Equipe varre ruas e organiza em pilhas lixo da área central. (Foto: Paulo Francis)

Durante a produção da matéria, o Página Brazil encontrou uma equipe da Solurb na Rua Barão do Rio Branco. De acordo com o encarregado Marcelo Cândido da Silva, eles estão iniciando com um trabalho de varredura e organização para que posteriormente o caminhão passe recolhendo os montes. “Nós iniciamos com prioridade na área central, mas vamos seguir para varias regiões como, o bairro Vila Carvalho, região próximas a Avenida Eduardo Elias Zahran, e antiga rodoviária. A ordem é dar uma geral por tudo, porem acredito que tudo deve voltar ao normal somente a partir de segunda-feira”, finaliza o encarregado.

Confira a galeria de imagens:

Paulo Francis

 

Comentários

comentários