Semana do Trânsito interdita ruas de Centro de Campo Grande no próximo fim de semana

Entre os dias 18 a 25 de setembro será realizada a Semana Nacional de Trânsito (SNT) 2016, que foi instituída pelo artigo 326 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e é realizada anualmente, com a finalidade de conscientizar a sociedade, sobre sua responsabilidade no trânsito, valorizando atitudes que estimulem a segurança viária, focando o desenvolvimento de valores, posturas e atitudes, no sentido de garantir o direito de ir e vir dos cidadãos.

Avenida Afosno Pena será uma das vias interditadas / Reprodução
Avenida Afosno Pena será uma das vias interditadas / Reprodução

Neste ano, o tema definido pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) foi: “Sou + um por um trânsito + seguro”, temática que vai de encontro a evolução das ações realizadas pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e Departamentos Estaduais de Trânsito (Detrans) em torno da Década Mundial de Ações para a Segurança do Trânsito – 2011/2020.

Tendo em vista os eventos esportivos que estão sendo realizados em alusão a SNT 2016, o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MS) informa que nos dias 17 de setembro (sábado) e 18 de setembro (domingo) algumas ruas e avenidas serão interditadas no centro de Campo Grande.

A pedalada 10 Km será realizada no sábado (17), às 15 horas e interditará momentaneamente (somente na passagem do pelotão) as seguintes vias:

– Afonso Pena: partindo da praça do rádio em direção ao centro

– 14 de julho: em direção à Feira Central

– R. Dr. Ferreira

– R. Gen. Melo

– Av. Calógeras

– Av. Mato Grosso

– Av. Pres. Ernesto Geisel: em direção à Euler de Azevedo

– R. Plutão

– Av. Noroeste/Av. Duque de Caxias (Orla Morena): em direção à Av. Tiradentes

– Av. Afonso Pena: da Av. Tiradentes até R. Padre João Crippa

No domingo (18) será realizada a corrida com largada às 8h na praça do rádio, com interdição total da Avenida Afonso Pena, do Círculo Militar até o Shopping Campo Grande, com previsão para ser liberada as 10h.

Para mais informações enviar e-mail para [email protected]

Comentários

comentários