Sem alvoroço, Guerrero chega em silêncio ao Rio de Janeiro

Artilheiro da Copa América e esperança e maior contratação do Flamengo para a temporada, o peruano Paolo Guerrero, enfim, desembarcou no Rio de Janeiro, na madrugada desta terça-feira, para se juntar à Nação rubro-negra por três temporadas. Sem a presença de torcedores, Guerrero foi recepcionado por funcionários do clube no Aeroporto Internacional Tom Jobim, vindo em um voo de Lima, capital peruana, e recebeu a camisa 9.

Chegada de Guerrero ao Rio de Janeiro Foto TERRA
Chegada de Guerrero ao Rio de Janeiro Foto TERRA

Guerrero deixou o aeroporto em um carro da patrocinadora do Flamengo e fará todo o translado até a apresentação na Gávea.

Mesmo tendo um apartamento no Rio de Janeiro, Guerrero irá para o hotel em que a delegação se concentra, na Zona Oeste do Rio, e treinará com o restante do elenco na manhã desta terça, no Ninho do Urubu. Por conta da apresentação, o peruano deixará o CT um pouco mais cedo para chegar por volta das 13h na Gávea e, assim, seguir com o time para o Santos Dumont.

Paolo Guerrero seria apresentado nesta terça-feira em uma grande evento no campo da Gávea com a presença de torcedores. Entretanto, por conta do mau momento vivido pela equipe em campo no Campeonato Brasileiro (o clube ocupa a 15ª colocação com sete derrotas em 11 rodadas), a apresentação se resumirá à uma coletiva de imprensa no auditório da Gávea.

O peruano é a contratação mais cara da gestão do presidente Eduardo Bandeira de Mello. Guerrero receberá aproximadamente R$ 600 mil mensais, com luvas diluídas até o fim do contrato.

TERRA

Comentários

comentários