Segurança do cantor Leonardo é morto a tiros ao reagir a assalto em Goiânia

Um homem foi morto a tiros, neste domingo, durante uma tentativa de assalto em Vila União, em Goiânia. De acordo com a polícia, Marco Antônio Rezende, de 41 anos, reagiu quando dois homens e uma mulher tentaram roubar seu cordão e foi atingido por oito tiros disparados pelos assaltantes. Marco trabalhava como motorista e segurança do cantor Leonardo e estava de folga. Ele costumava acompanhar o artista em eventos sociais na capital goiana e também atuava na equipe de seguranças da dupla do filho do cantor, Pedro, e o sobrinho dele, Thiago. O corpo do segurança deve ser sepultado nesta segunda-feira, na capital goiana. O local e o horário do sepultamento ainda não foram divulgados.

Marco atuava como segurança de Leonardo em eventos sociais, em Goiânia Foto: Reprodução / Facebook
Marco atuava como segurança de Leonardo em eventos sociais, em Goiânia Foto: Reprodução / Facebook

Ainda segundo a polícia, Marco chegou a ser atendido por uma ambulância do Samu, mas morreu antes de chegar ao hospital. Ele foi baleado no tórax, no abdômen e nas pernas. A arma do segurança, uma pistola calibre 38, foi roubada pelos bandidos, que fugiram antes da chegada dos policiais. Eles também levaram a carteira e outros pertences da vítima.

Marco atuava como segurança de Leonardo em eventos sociais, em Goiânia
Marco atuava como segurança de Leonardo em eventos sociais, em Goiânia Foto: Reprodução / Facebook

O caso é investigado pela Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios de Goiânia (DEIH). Até o momento, não há nenhuma informação sobre os suspeitos. A polícia deve ouvir testemunhas que estavam no local, onde era realizada uma tradicional feira da região.

Na internet, parentes e amigos de Marco Antônio publicaram mensagens em homenagem ao segurança. “Nunca pensei que ontem seria a ultima vez que eu falaria com você, um irmão, um amigo, um companheiro uma pessoa amada e querida aonde ia, um homem que amava viver, que amava a todos”, escreveu uma amiga da vítima. Fã-clubes do cantor Leonardo também prestaram mensagens lamentando a morte do segurança.

Também pelas redes sociais, os cantores Pedro e Thiago lamentaram a morte do segurança, que trabalhou com os dois. “Vai fazer muita falta, Marquim Baruí! Difícil acreditar”, publicou Thiago. “Morreu assassinado ontem meu grande amigo Marquim. Trabalhou muito tempo com meu primo Thiago. A violência está terrível em qualquer lugar do Brasil. Descanse em paz, meu amigo! Que Deus conforte o coração de sua família”, lamentou também Pedro”.

Marco, entre os cantores Cristiano Araújo e Jorge
Marco, entre os cantores Cristiano Araújo e Jorge Foto: Reprodução / Facebook

Marco também atuava como segurança da dupla Pedro e Thiago (de preto, na foto), filho e sobrinho de Leonardo, respectivamente

EXTRA

Comentários

comentários