“Santo Antonio” dá feriado a oito municípios de MS e certo “rolo” no funcionamento das cidades

Lúcio Borges

Imagem do ‘Bolo oficial com aliança para casar’ diz tradição de comemoração, que leva muita gente a “igreja”. (Foto: Lúcio Borges)

O dia 13 de junho, que é dedicado na parte religiosa e mesmo social, a Santo Antonio, o mais popular do Brasil, após Nossa Senhora Aparecida, também como ela, tem feriado decretado, não Nacional, mas em diversos municípios pelo País. Em Mato Grosso do Sul, nesta terça-feira (13), são seis/oito as cidades que estarão com uma folga extra municipal, e, se não toda sociedade, boa parte, estará parada. Por aqui, Campo Grande, Costa Rica, Batayporã, Jardim, Terenos e Três Lagoas, é decretado feriado, por causa do Santo, e, em  Porto Murtinho e Corumbá, por eventos locais. O “Santo Antonio” dá feriado a seis municípios de MS e certo “rolo” no funcionamento das cidades, pois além da parte religiosa, que leva mutia gente a professar, tem festividades sociais, como o Arraial na Capital, que começou no sábado e termina amanhã. 

Na Capital, que está no feriado pelo quarto ano, em 2017, será controverso, sendo e não sendo feriado, devido ao mesmo ser passado para a próxima sexta-feira (16), com ponto facultativo, decretado pelos governos municipal e estadual, para emendar com o feriado nacional de Corpus Christ, na quinta-feira (15). Amanhã, os servidores estaduais na Capital, em tese, devem estar trabalhando. Em Porto Murtinho, o feriado é total pelo aniversário ou 105 anos de emancipação política e administrativa, bem como em Corumbá, mas que comemora, lembra data em que o tenente coronel Antônio Maria Coelho, junto com suas tropas, expulsou os paraguaios das terras da corumbaense, então Província de Mato Grosso por ocasião da Guerra do Paraguai.

Assim, amanhã tem que ser verificado o que abre e fecha nas cidades e pelo MS, como o Página Brazil já publicou com a Rotina de serviços públicos ou privados com mudanças, seja em comemoração ao Dia de Santo Antônio, seja pelo aniversário de cidade ou alguma solenidade cívica.

Com isso, o “certo rolo”, por exemplo, se verá nas agências da Caixa Econômica Federal, que não vão abrir para o saque das contas inativas de FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço), na terça e quinta-feira. Conforme o superintendente da Caixa em MS, Evandro Narciso, o funcionamento das unidades em horários diferenciados nos lugares onde houver ponto facultativo será realizado hoje e quarta-feira (14), somente. “Amanhã e na quinta não funcionaremos onde há o feriado decretado ou que mesmo foi remanejado, mas fica como facultativo e do mesmo modo, acaba não funcionado normalmente, devido a cultura e realidade religiosa e festiva”, apontou Narciso.

Benefícios do FGTS

O período de saques do quarto lote, que contempla os trabalhadores nascidos em setembro, outubro e novembro, começou no último sábado em todo o país. Segundo informações divulgadas pela Caixa, 132,9 mil pessoas estão aptas a retirar o dinheiro no estado, que soma R$ 140,9 milhões.

Os trabalhadores que têm Cartão Cidadão e a senha, que tem o recurso disponível no valor de até R$ 3 mil, podem sacar nos caixas de autoatendimento, correspondentes Caixa ou nas lotéricas. Acima de R$ 3 mil os saques devem ser feitos nas agências. É preciso que o trabalhador esteja com documento de identificação e Carteira de Trabalho, ou outro documento que comprove a rescisão do contrato.

Para o caso de dúvidas e consulta de saldo, as informações podem ser acessadas no site da Caixa: www.caixa.gov.br/contasinativas ou pelo telefone 0800 726 2017.

Comentários

comentários