Rota do Desenvolvimento proporciona alinhamento da ações do governo com os municípios

(Foto: Divulgação)
Rota do Desenvolvimento proporciona a aproximação e alinhamento das políticas de desenvolvimento do governo do Estado com secretários e representantes de entidades municipais ligados. (Foto: Divulgação)

Além de oferecer uma série de serviços e atendimentos a empresários, comerciantes e potenciais empreendedores do interior do Estado, a Rota do Desenvolvimento, que termina hoje(23), na cidade de Nova Andradina, também está proporcionando a aproximação e alinhamento das políticas de desenvolvimento do governo do Estado com secretários e representantes de entidades municipais ligados ao setor. Esse trabalho é feito pela Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico (Semade), juntamente com seus órgãos vinculados – Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul), Junta Comercial (Jucems) e Agência Estadual de Metrologia (AEM-MS).

No fim da tarde de terça-feira (21), secretários de Desenvolvimento de ao menos 10 municípios vizinhos a Nova Andradina (região Sudeste do Estado) reuniram-se com o secretário adjunto da Semade, Ricardo Senna, para conhecer as propostas de desenvolvimento do governo do Estado e apresentar suas demandas e sugestões. “A reunião que tivemos com os secretários da região de Nova Andradina foi importante para podermos alinhar o que nós estamos pensando no Governo com aquilo que eles (municípios) desejam. Esse alinhamento de esforços vai possibilitar que nós façamos uma ação mais pontual, mais assertiva, mais focada pra trazer soluções que, de fato, cada região precisa”, afirmou Senna.

O secretário adjunto da Semade lembrou que um dos principais compromissos do governador Reinaldo Azambuja é promover o desenvolvimento de forma igualitária em todas as regiões de Mato Grosso do Sul. “E essa meta nós iremos materializar por meio da elaboração do PPA (Plano Plurianual) e de ações como a Rota do Desenvolvimento, realizada com os parceiros do  setor produtivo”.

Os secretários municipais foram apresentados aos projetos estruturantes da administração estadual para a criação de um novo paradigma de crescimento, baseado na sustentabilidade, descentralização e geração de novas oportunidades. Ricardo Senna falou sobre ações como o Programa Estadual de Apoio aos Pequenos Negócios (Propeq), o Plano de Desenvolvimento de Desenvolvimento da Nova Economia Sul-mato-grossense (Pronova) e Programa Estadual de Apoio à Industrialização (Proind).

Ao final da reunião, os participantes entregaram um documento ao secretário adjunto da Semade, com um diagnóstico da região, reivindicações e propostas. “Foi uma reflexão muito bem colocada pelos secretários presentes, expondo suas dificuldades. Muitos municípios da região não têm recebido empreendimentos, pois têm dificuldade de fazer a atração de investimentos. Essas questões são muito relevantes e tivemos a oportunidade de ter a dimensão desse problema”, disse Ricardo Senna.

Na avaliação do secretário de Desenvolvimento de Nova Andradina, Marcio Costa, o encontro “revela a preocupação do governador em nos ouvir e trabalhar em conjunto para o desenvolvimento de todo o Estado, ficamos muito satisfeitos”.  Ricardo Senna reforçou que “é essa orientação que o governador nos deu: olhar, conversar e tentar captar qual é a prioridade das pessoas, dos atores políticos e da comunidade local em cada das regiões para que a gente possa ter uma política de desenvolvimento de Estado que atenda efetivamente aquilo que cada localidade deseja”.

Comentários

comentários