Rodrigo Caio renova contrato com o São Paulo até 2021 e encerra novela

Globoesporte.com / JN

Rodrigo Caio e o presidente Leco no Morumbi (Foto: Divulgação)

São Paulo e Rodrigo Caio chegaram a um acordo para renovar o contrato do zagueiro. A negociação iniciada em outubro de 2016 foi concluída nesta segunda-feira.

O jogador assinou novo vínculo até 2021. Além do tempo, os salários do defensor e a multa foram aumentados.

O Tricolor vislumbra a possibilidade de o zagueiro ser convocado pelo técnico Tite para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia, fator que também pesou no desejo de um novo vínculo.

Desde o ano passado, ainda com o então diretor-executivo Marco Aurélio Cunha, a cúpula do Tricolor reconhecia que os salários do atleta estavam defasados, diante do rendimento regular em campo. O defensor terá vencimentos compatível ao teto de R$ 400 mil.

Nas últimas janelas, o nome de Rodrigo Caio esteve na mira de clubes europeus. Sevilla, Hamburgo, Lazio e Atlético de Madrid foram alguns dos que se interessaram nos anos anteriores. Desde que chegou ao Tricolor, o técnico Rogério Ceni fez questão de dizer para a diretoria que conta com sua permanência, algo que o zagueiro levou em consideração na decisão.

Atualmente, Ceni tem seis opções na zaga: Rodrigo Caio, Maicon, Breno, Lugano, Lucão e Douglas. Aos 23 anos, Rodrigo Caio é o atleta com mais partidas do elenco: 212 partidas. O zagueiro se valorizou ainda mais depois da conquista do ouro na Olimpíada Rio 2016.

Além de Rodrigo Caio, o São Paulo renovou os contratos de Cueva, Thiago Mendes, Lucas Fernandes, Bruno e Luiz Araújo.

Comentários

comentários