River vence Tigres e conquista o Tri da Libertadores

Foram necessários 19 anos para que a torcida do River Plate voltasse a comemorar um título de Libertadores. Nesta quarta-feira, em um Monumental de Nuñez lotado, o clube argentino venceu o Tigres por 3 a 0 e se sagrou tricampeão do principal torneio da América.

Foto: JUAN MABROMATA / AFP
Foto: JUAN MABROMATA / AFP

A torcida do River no Monumental fazia uma linda festa e cantava sem parar. No início da partida o River tentou se aproveitar do fator casa para pressionar o Tigres, mas os mexicanos souberam lidar com o momento difícil e equilibrou a partida.

Em pouco tempo o Tigres começou a jogar bem e desperdiçou pelo menos duas grandes chances com Rafael Sóbis e Gignac, mas os atacantes pecaram no último toque. Com a chuva que caia na capital argentina, o jogo ficou fraco tecnicamente.

Mas aos 44 anos minutos Vangioni conseguiu fazer bela jogada pela esquerda, se livrou do marcador e cruzou para área, onde Alario estava livre para cabecear. A bola foi no cantinho, sem chances para o goleiro do Tigres. Festa em Nuñez.

O segundo tempo veio e a torcida do River fazia seu papel nas arquibancadas, não parando de cantar por um só momento. A partida seguiu truncado, com o jogo concentrado muito no meio campo.

Aos 28 minutos o River teve pênalti marcado a seu favor. Carlos Sanchez bateu muito bem, sem chance para o goleiro do Tigres e deixou o River ainda mais perto do tricampeonato da Libertadores. A festa nas arquibancadas era imensa.

O Tigres sentiu o gol e aos 33 veio o golpe final do River. Após cobrança de escanteio o zagueiro Funis Mori subiu mais alto que todo mundo e mandou para as redes. Com o título, o México segue com a sina de nunca conquistar a Libertadores.

BAND

Comentários

comentários