Ricardo Oliveira espera “algo maior” para o Santos em 2016

Pelo menos por enquanto, o trabalho de manutenção dos principais jogadores do elenco do Santos para 2016 vem sendo feito de forma quase que perfeita pela diretoria alvinegra. Exceção feita a Marquinhos Gabriel, já praticamente “descartado” por Dorival Júnior, todos os outros ainda seguem, a princípio, no grupo. Algo bastante comemorado por Ricardo Oliveira, que vê o time com grandes chances de “colher algo muito maior” na nova emporada.

16ricardo

“Entendo que esse ano tem de ser de uma colheita muito maior. Pelo que fizemos, pela base que montamos. Esse é um fator muito importante. Pelo menos até aqui o elenco está mantido. Estamos trazendo jogadores. Entendemos que somos capazes de fazer algo maior do que fizemos na temporada passada”, disse o atacante que marcou 38 gols pelo Santos em 2015.

“Tenho certeza de que esse ano não vamos repetir o que fizemos na temporada passada. É um grupo que se manteve, é experiente. Vamos iniciar as competições sabendo o que devemos ou não fazer”, acrescentou.

Entre os erros cometidos pelo Santos em 2015, Ricardo Oliveira cita o péssimo início da equipe no Campeonato Brasileiro. O time, aliás, chegou a ficar perto da vaga da Copa Libertadores nos dois campeonatos que estava disputando no segundo semestre. Porém, no Brasileiro, acabou caindo de produção na reta final, e ainda acabou derrotado pelo Palmeiras na Copa do Brasil.

Agora, Ricardo Oliveira acredita que o Santos está preparado para cometer menos erros e entrar ainda mais forte em todas competições que disputar na atual temporada.

“Não vamos abrir mão do Campeonato Brasileiro. Temos de levar isso do ano passado. O início do Brasileiro não foi como deveríamos ter feito. O Brasileiro é um campeonato de muito prestígio, difícil. Com certeza é uma das coisas que vamos melhorar do ano passado para esse ano. Vamos em busca do título. Se tivéssemos iniciado da forma que terminamos o campeonato, com certeza estaríamos brigando pelo título do Brasileiro”, completa.

Comentários

comentários