Reinaldo prepara pacote de R$ 2,7 bilhões em logística

O Governo do Estado prepara um pacote de investimentos em infraestrutura de aproximadamente R$ 2,7 bilhões para melhorar a logística de Mato Grosso do Sul. O anúncio do investimento foi feito pelo governador Reinaldo Azambuja nesta quarta-feira (20), durante a abertura do Circuito InterCorte em Campo Grande – evento itinerante que debate a cadeia produtiva da carne nos principais polos de produção pecuária do Brasil.

Anúncio de investimentos ocorreu durante evento do agronegócio  Foto Chico
Anúncio de investimentos ocorreu durante evento do agronegócio Foto Chico Ribeiro

Segundo o governador, o programa será lançado nas próximas semanas. Ele adiantou que a intenção é fortalecer os ramais rodoviários, hidroviários e ferroviários de Mato Grosso do Sul. “Vamos melhorar nossa logística para aumentar muito a competitividade dos nossos setores produtivos”, falou.

Durante a abertura do Circuito InterCorte em Campo Grande, Reinaldo ainda destacou ações do Governo do Estado que impactam de forma positiva a produção agropecuária sul-mato-grossense. Entre elas o lançamento do Programa Terra Boa, que promove a recuperação de pastagens degradadas para a produção, e a adesão do Estado ao Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (Sisbi), que dá a possibilidade de produtos de Mato Grosso do Sul serem comercializados em todo o País.

Sobre o InterCorte, Reinaldo falou  da importância do evento que debate a cadeia produtiva da carne de ponta a ponta, “fortalecendo o elo do Brasil real, da pecuária, que tem se desenvolvido e feito a economia do País crescer, diferente de outros setores”.

InterCorte e Beef Week

O Circuito InterCorte é a versão itinerante da InterCorte que percorre desde 2012 os principais polos de produção de carne no Brasil para levar informação, discussão e tecnologia aos produtores. O evento é composto por um workshop que discute em dois dias o tema “Pecuária de ponta a ponta – Tecnologia, Genética, Fazenda, Frigorífico, Distribuição, Mercado e Consumidor”, aprofundado por importantes especialistas, que debatem com o público presente, formado em média por 90% de pecuaristas. Os participantes conferem ainda as novidades tecnológicas apresentadas por empresas de referência do setor que participam da feira de negócios que compõe o evento.

Está é a quinta vez que Campo Grande recebe o InterCorte. Neste ano, o diferencial vem com a realização da 1º Beef Week na Capital sul-mato-grossense – movimento de coordenação de cadeia produtiva da carne bovina que tem como objetivo aumentar a percepção dos centros urbanos e dos consumidores em relação à qualidade e origem da carne brasileira.

Para o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (Famasul), Maurício Saito, a união dos dois eventos representa toda a cadeia da carne, da produção ao consumidor final. Ele ainda destacou a importância dos debates para Mato Grosso do Sul, que aumentou a exportação de carne bovina in natura em 7,2% na comparação do primeiro semestre de 2016 com o mesmo período do ano passado.

Também participaram do evento os secretários de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico, Jaime Verruck, e de Cultura, Turismo, Empreendedorismo e Inovação, Renato Roscoe; o presidente do Sistema Fecomércio, Edison Araújo; e o presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurante em Mato Grosso do Sul (Abrasel/MS), Juliano Battistel Kamm Wertheimer, além de outras autoridades.

Comentários

comentários