Quadrilha é presa após sequestrar mãe e filha durante roubo de veículo

Uma mulher de 25 anos e sua mãe, de 51 anos, foram sequestradas na manhã de ontem (17), durante o roubo de um veículo no bairro Nova Campo Grande, na Capital. As vítimas foram feitas reféns por mais de cinco horas. Seis pessoas foram presas.

download

De acordo com informações do boletim de ocorrência, as vítimas estavam na rua 7, em um veículo VW Golf, quando dois homens armados chegaram e anunciaram o assalto. Os bandidos andaram com as vítimas pela cidade por aproximadamente uma hora e meia até que chegaram ao cativeiro, na rua Araticum, no bairro Moreninhas. Ainda segundo o boletim de ocorrência, durante o trajeto um dos bandidos chegou a atirar quatro vezes contra um homem que estava sentado em uma calçada no bairro Rouxinois.

Com o celular, a vítima, esposa de um policial militar, mandou mensagem para o marido informando que havia sido sequestrada e enviou a localização. Por volta das 14h30, o militar foi até o local com uma equipe do Batalhão de Choque. Ao ver a viatura, um dos bandidos que estava no cativeiro apreendeu fuga. As vítimas foram resgatadas e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) informada do roubo do veículo.

Policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) montaram barreira na MS-164 e apreenderam o veículo na região do assentamento Itamarati, em Ponta Porã. Na ocasião foram presos Roberto Barbosa Junior, 18 anos, Luzia Silva Iamandu, 37 anos, Luis Carlos Arévalo, 27 anos, Michael de Oliveira Pereira, 22 anos, e Thaynara da Silva Ferreira, 18 anos.

Na madrugada desta quinta-feira (18), por meio de denúncia anônima, a polícia chegou até Lucas Mendes Acosta, 19 anos, que estava cuidando das vítimas no cativeiro e fugiu ao ver a polícia. Ao ser abordado na rua Caxiuana, no Jardim Centenário, Lucas assumiu prontamente a participação no sequestro das duas mulheres. No momento em que foi preso, o suspeito portava uma arma de fogo calibre 38.

Kerolyn Araújo

Comentários

comentários