Puccinelli vai à PF com advogado; João Amorim, Edson e Rachel Giroto foram detidos

O ex-governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli, está neste momento na superintendência da Polícia Federal, na Vila Sobrinho. Ele chegou acompanhado do advogado, René Siufi e aguarda na recepção do órgão. João Alberto Krampe Amorim, dono da Proteco Construções, o ex-secretário estadual de obras, Edson Giroto e a esposa, Rachel Giroto, foram presos.

No início da manhã, a apartamento de Puccinelli foi alvo de vistoria da Polícia Federal. Os policiais ficaram na residência por aproximadamente uma hora e meia e deixaram o local com uma mala com documentos.

Presos estão sendo levados para Superintendência da Polícia Federal.
Presos estão sendo levados para Superintendência da Polícia Federal.

Lama Asfáltica

A 2ª fase da Operação Lama Asfáltica, batizada como “Fazendas de Lama”, foi deflagrada na manhã desta segunda-feira (10) pela Polícia Federal, Controladoria Geral da União e Receita Federal.

Na primeira fase da Operação, cujas investigações iniciaram-se em 2013, foi constatada a existência de um grupo que, por meio de empresas em nome próprio e de terceiros, superfaturaram obras contratas com a administração pública, mediante a prática de corrupção de servidores públicos e fraudes a licitações.

Nessa fase serão cumpridos 28 mandados de busca e apreensão e 15 mandados de prisão temporária, bem como 24 mandados de sequestro de bens de investigados.

Os mandados estão sendo cumpridos em Campo Grande, Rio Negro, Curitiba (PR), Maringá (PR), Presidente Prudente (SP) e Tanabi (SP).

Comentários

comentários