PT decide não apoiar nem Marquinhos e nem Rose no 2º turno

Desgastado por causa de graves acusações no plano nacional, o PT de Mato Grosso do Sul anunciou nesta sexta-feira que se manterá neutro do segundo turno das eleições, que será disputado em Campo Grande pelos candidatos do PSD, Marquinhos Trad, e do PSDB, Rose Modesto.

Alex do PT conversa com eleitores na capital (Foto: Divulgação )
Alex do PT conversa com eleitores na capital (Foto: Divulgação )

O partido divulgou nesta sexta-feira nota comunicando que não apoiará nenhum dos dois candidatos. A decisão, segundo a executiva municipal do PT, segue orientação do comando nacional do partido.

Em nota divulgada hoje, a legenda ressalta o fato da maioria dos campo-grandenses terem se ausentado das urnas ou votado em branco ou nulo. O partido também afirma que o candidato a prefeito Alex do PT sofreu ataques em campanha classificada como ofensiva.

“Como a Executiva Nacional, nós não aceitamos apoiar os partidos que foram favoráveis ao golpe parlamentar que afastou a presidente Dilma Rousseff, eleita pela maioria da população brasileira, e que estão unidos para dar continuidade a esse golpe, só que dessa vez, nos trabalhadores, votando no Congresso Nacional a PEC 241, a PEC do arrocho, o PL do Pré-Sal e a MP da reforma do ensino médio, medidas que o PT vai continuar lutando contra e em favor da classe trabalhadora”.

Comentários

comentários