PSDB elege presidente neste sábado pensando em 2016

Os principais dirigentes tucanos do Estado afinam os discursos visando a 12ª Convenção Estadual do PSDB que escolherá a executiva e os membros do diretório regional no próximo sábado, durante convenção na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul.

Presidente regional do partido, prestes a ser reeleito, Márcio Monteiro,
Presidente regional do partido, prestes a ser reeleito, Márcio Monteiro,

O partido também já traça planos em torno da campanha eleitoral do ano que vem, quando serão eleitos novos prefeitos e vereadores em todo o Estado.

Os principais dirigentes da legenda se articulam para vencer as eleições em cidades estratégicas, incluindo a Capital, Dourados, Corumbá, Três Lagoas e Ponta Porã, além de conquistar novas prefeituras.
“Em Campo Grande, por exempo, a professora Rose é a liderança que mostra maior densidade eleitoral. Estamos há um ano da eleição e ajustes podem acontecer, mas, evidentemente que, hoje, ela é o nome que mais se destaca”, afirmou o presidente regional do partido, prestes a ser reeleito, Márcio Monteiro, que é deputado federal licenciado e secretário de Fazenda do Estado.

O presidente também citou a pré-candidatura do deputado estadual Ângelo Guerreiro (PSDB), em Três Lagoas, e do ex-deputado federal Marçal Filho, em Dourados.

Monteiro mostrará na convenão um panorama das principais ações da gestão de Reinaldo Azambuja, o cenário ao qual o Estado foi recebido pelo governador e os programas sociais que estão sendo levados à população, como, por exemplo, a “Caravana da Saúde”.

Durante o evento, o partido deve anunciar a adesão dos prefeitos de Figueirão, Rogério Rosalin, ex-PR; Cacildo Pereira (Santa Rita do Pardo) e Yuri Valeis (Sonora), eleitos pelo PRP e pelo PR.

Os novos prefeitos vão se juntar aos colegas tucanos Silas José da Silva (Água Clara), Luiz Antonio Milhorança (Angélica), Pedro Caravina (Bataguassu), Alberto Luiz Sãoverso (Batayporã), Júnior Vasconcelos (Fátima do Sul), Roberto Arcoverde (Iguatemi), Ricardo Favaro Neto (Itaquiraí), Juvenal Neto (Nova Alvorada do Sul), José Domingues Ramos, o Zé Cabelo (Ribas do Rio Pardo), Ari Basso (Sidrolândia) e Roberto Almeida (Taquarussu).

Com as novas adesões a serem anunciadas no próximo sábado o PSDB passará a contar com 14 prefeitos em Mato Grosso do Sul.

Monteiro destacou o momento que o partido atravessa, sendo governo em âmbito local e oposição no cenário nacional, o que, segundo o deputado, o credencia a propor ações e projetos que fortaleçam Mato Grosso do Sul e o Brasil.

Comentários

comentários