Projeto oferece espetáculos de teatro gratuitos para crianças no Marco

A Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, em parceria com o Grupo Teatral Unicórnio, realiza o Projeto Teatro nas Férias, em comemoração aos 30 anos do grupo na cena do teatro infantil do Estado. Em cartaz, quatro espetáculos do repertório do grupo, com entrada franca, apresentados aos sábados e domingos, numa pré-temporada que vai de 9 a 31 de Janeiro de 2016, no Museu de arte Contemporânea (Marco).

Nos dias 9 e 10 será apresentada a peça “Histórias do Meu Quintal”; dias 16 e 17, “A Roupa Nova do Imperador; dias 23 e 24, “O Sapo Encantado e Outras Histórias” e, para encerrar, nos dias 30 e 31, “A Vassoura da Bruxa”.

As apresentações acontecem sempre às 17 horas, no auditório do Marco, localizado na rua Antônio Maria Coelho, 6.000, no Parque das Nações Indígenas. A entrada é franca e os ingressos devem ser retirados uma hora antes dos espetáculos.

Confira as sinopses das peças:

Histórias do Meu Quintal – O pretexto é buscar material para um trabalho escolar, que acaba resultando em momentos incríveis, com Téo e Nino dando asas à imaginação, transformando objetos e viajando pelos contos de fadas, com muita música e aventuras quixotescas. Este é o 14º Espetáculo do Grupo Teatral Unicórnio, que tem se dedicado ao Teatro para Crianças desde Setembro de 1986. Texto e Direção: Jair de Oliveira. Elenco: Amélia Rocha, Cadu de Paula, Wilson de Faria, Marcos Jhonatan, Breno Lucas e Luana Vilela. Este projeto foi contemplado com o Prêmio Rubens Corrêa de Teatro 2013.

HISTÓRIAS-DO-MEU-QUINTAL
Fotos: Divulgação

A Roupa Nova do Imperador – Há muitos e muitos anos havia um Imperador tão apaixonado pelas roupas novas, que gastava com elas todo o dinheiro que possuía. Pouco se incomodava com seus soldados, com o teatro ou com os passeios pelo bosque, contanto que pudesse vestir seus novos trajes. Tinha um para cada hora do dia, e, ao em vez de se dizer dele o que se diz de qualquer Imperador: ‘’Está na Câmara do Conselho’’, dizia-se sempre a mesma coisa: ‘’O Imperador está se vestindo, ou desfilando’’. Até que um dia aparecem dois Alfaiates espertalhões que prometem ao Imperador a confecção de uma roupa extraordinária, feita com tecidos mágicos…

Ganhador dos prêmios de Melhor Texto, Melhor Ator Coadjuvante, Melhor Direção e Melhor Espetáculo Infantil/2011 no Festival Sul-Mato-Grossense de Teatro, realizado em Campo Grande, A Roupa Nova do Imperador segue sua trajetória na Capital e interior do Estado, onde já se apresentou nos palcos das cidades da Maracaju, Jardim e Porto Murtinho, pelo Circuito de Teatro de MS, da FCMS. Texto e Direção: Jair de Oliveira. Elenco: Amélia Rocha, Cadu de Paula, Wilson de Faria e Jair de Oliveira.

Foto Divulgação
Foto Divulgação

O Sapo Encantado e Outras Histórias – São três peças curtas unindo o Conto-de-Fadas, Folclore e a Magia do Circo. O Sapo Encantado: O que pode acontecer quando uma bela Princesa, brincando, deixa cair no brejo uma bolinha de ouro? Numa adaptação do clássico dos Irmãos Grimm, o sapo pega a bolinha para a princesa, que lhe dá em troca um beijo salvador. Então acontece aos olhos do espectador uma completa transformação de Sapo em Príncipe.

Sopa de Pedra: Pedro Malasartes, conhecido personagem do folclore, apronta mais uma das suas
peripécias. Andando sem rumo por esse mundão de meu Deus, cansado e faminto, resolve pedir ajuda na casa de uma senhora que não se mostra muito disposta a ajudá-lo. Pedro resolve então colocar em prática a receita de uma suculenta sopa de pedra.

Circo da Imaginação: O Circo da Imaginação apresenta ao respeitável público uma atração de muito peso. O elefante Lindinho realiza números de tirar o fôlego com a participação da plateia,
finalizando com uma dança que tem um final surpreendente!

O-SAPO-ENCANTO-e-outras-histórias

A Vassoura da Bruxa – Considerada um clássico do teatro infantil sul-mato-grossense, a peça conta as trapalhadas de uma bruxa, que ao ser convidada para uma festa, descobre que sua vassoura voadora não funciona. Como vocês sabem, toda Bruxa que se preza usa uma vassoura mágica. A de Bruxelda tinha até nome: Grizelda. Só que um dia, do mesmo jeito que acontece com os carros e aviões, Grizelda encrencou. E agora? Como voar até o Morro da Caveira e participar do baile das Bruxas? O espetáculo tem também a participação de Tibúrcio (ajudante da Bruxa), um consertador de bugigangas e uma fada. Texto e Direção de Jair de Oliveira e no Elenco: Amélia Rocha, Cadu de Paula, Wilson de Faria e Jair de Oliveira.

A-Vassoura-da-Bruxa-022

Fundação de Cultura de MS.

Comentários

comentários