Presidente diz que Santa Casa passa recuperação e Unidade do Trauma deve ser entregue até dezembro

O presidente da Santa Casa de Campo Grande, Esacheu Cipriano Nascimento, que tomou posse em dezembro de 2015, em entrevista do programa Tribuna Livre e ao Página Brazil, falou sobre os planos do hospital para esse ano.

De acordo com o presidente, o hospital está passando por um processo de recuperação, já que a instituição ainda passa por vários problemas, inclusive financeiro. “Dentro da nova gestão vamos recuperar o equilíbrio da despesa com a receita, visando melhorar a qualidade do atendimento”, relatou.

Esacheu afirmou que área de transplantes é prioridade para hospital
Esacheu afirmou que área de transplantes é prioridade para hospital

Ainda segundo o Esacheu, a prioridade do hospital no momento é recuperar a parte de transplantes. “A população de Campo Grande depende da Santa Casa para transplantes de rins, coração, entre outros. Já estamos fazendo os projetos específicos para a captação órgãos”, disse sobre as cirurgias de transplantes que devem ser retomadas em 90 dias. Na Capital, somente a Santa Casa é credenciada para fazer esse tipo de procedimento.

Também para melhorar o atendimento, a Santa Casa está investindo na compra de novos equipamentos para atender outras áreas que o hospital não está atendendo, como a oncologia.

Unidade do Trauma

Sobre a obra da Unidade do Trauma, Esacheu informou que a previsão é de que a área seja entregue ainda em dezembro deste ano. “Queremos disponibilizar aquela área para atender os acidentes que ocorrem em Campo Grande, principalmente envolvendo motociclistas.

Autoridades visitaram obra da Unidade do Trauma. Foto: Arquivo/ divulgação
Autoridades visitaram obra da Unidade do Trauma. Foto: Arquivo/ divulgação

A conclusão da obra ampliará a capacidade instalada da Santa Casa em 126 novos leitos, sendo 98 deles de internação, 10 unidades de terapia intensiva, 18 de observação, além de cinco salas de cirurgia.

Comentários

comentários