Prêmio Onça Pintada 2016 – 3ª Mostra de Danças Clássicas e Populares começa amanhã na Capital

Foto Divulgação
Foto Divulgação

No período de 25 a 28 de Maio, no Teatro Glauce Rocha, em Campo Grande, acontece o Prêmio Onça Pintada 2016 – 3ª Mostra de dança Clássica e Danças Populares de Mato Grosso do Sul. O evento é uma proposta cultural , cujo nome homenageia a fauna pantaneira, ao mesmo tempo oportuniza espaço as escolas, grupos e cias para apresentarem seus trabalhos, e contempla premiações aos que se destacam a fim de incentivar o reconhecimento profissional.

O objetivo é a democratização da arte da dança clássica e as danças populares no país, promovendo o intercambio cultural, o desenvolvimento técnico e a interpretação artística de grupos e/ou bailarinos, e favorecer a profissionalização e a formação de novas plateias.

Neide Garrido, que é a idealizadora do evento, explicou ao portal de notícias Página Brazil, na tarde desta terça-feira (24), que essa edição tem um grande diferencial em relação as outras, que é a inclusão das danças populares no evento.

“As duas edições anteriores contemplavam somente o balé clássico do Mato Grosso do Sul, e muitas pessoas até indagavam isso, mas era proposital, porque não ? Mas nessa terceira edição projetamos colocar as danças populares, inclusive tivemos uma surpresa e gratificação ao pesquisar sobre o que existia em dança aqui no Estado.

Encontramos uma riqueza enorme, manifestações culturais preciosas como as que existem em Porto Murinho, Maracaju, fora as influencias de danças bolivianas, paraguaias, dança árabe, flamenca, entre outras”, explica.

Para esta edição 3ª edição irão compor as bancas jurados convidados e professores, que farão a analise de pontuações e comentários das apresentações da mostra. Está confirmado até o momento a Maitre e Diretora Artística do Ballet Vera Bublitz, Carlla Bublitz/RS, A Doutora em História pela PUCRS, Carmen Hoffmann/RS, o Maitre e Diretor da Especial Academia de Ballet e da Cia Brasileira de Danças Classicas de Sã Paulo, Guivalde de Almeida/SP, o Bailarino, Professor e Coreografo de Danças Árabes Folclóricas e Ator Profissional, Takik /SP, entre outros profissionais.

A programação terá 25 apresentações, que começa com a Cia Brasileira de Danças Clássicas de São Paulo e o clássico “O Lago dos Cisnes” na abertura, no dia 25, às 19h. Depois, a mostra competitiva segue até o dia 27. A competição termina no domingo (28) com a premiação dos vencedores.

Este ano, o evento tem 2 solistas uruguaios: Paula Penachio e Ciro Mansilla virão do Ballet Del Sodre do Uruguay.

A primeira edição foi realizada em 2012 e ofereceu ao público espetáculos de qualidade, estimulando assim uma plateia crítica interessada, e conseguiu atingir e superar as expectativas, com excelentes resultados de adesão e abrangência, tanto de inscrições quanto de público.

Paulo Francis

Comentários

comentários