Prefeito ressalta parceria e resultados da Caravana da Saúde “nunca realizados” em MS

Palco com prefeito, governador, presidente do TJ-MS, deputados e vereadores, e prefeitos da região. (Foto: Lúcio Borges)
Palco com prefeito, governador, presidente do TJ-MS, deputados e vereadores, e prefeitos da região. (Foto: Lúcio Borges)

O prefeito Alcides Bernal em solenidade do “Dia D” da Caravana da Saúde em Campo Grande, na manhã deste sábado (14), elogiou o projeto do governo do Estado e disse poder afirmar, sem nenhum constrangimento, ‘olhando nos olhos’ do governador Reinaldo Azambuja, que o projeto faz e está fazendo muito bem ao Estado, e acima de tudo as pessoas, deixando um legado muito positivo, que nunca aconteceu no Mato Grosso do Sul. O chefe do executivo municipal, apontou que além do legado do atendimento, há também a parceria entre governo e prefeituras, como a sua administração, que nunca foi feita na história de MS, de forma que não se vê ou se faça distinção entre os administradores, principalmente por visão de governo, de cor ou ideologia partidária.

A Caravana da Saúde na Capital, apesar de já estar atendendo a quatro dias, tem neste sábado, seu ápice, chamado de “Dia D”, com a participação de autoridades de todos os Poderes do Estado. Os chefes e membros do Legislativo, Judiciário e do Executivo, estiveram ao lado do governador, que abriu o programa na Capital, na terça-feira (10). Hoje, a programação é especial e como “Dia D” teve serviços ampliados no Centro de Convenções Albano Franco, onde acontece a 11ª edição do projeto do governo do Estado.

O prefeito ressaltou que não tem como não avaliar que a Caravana da Saúde faz bem sim, por onde passa e que quando alguém disse que sua gestão iria abrir mão de participar ou colaborar com o projeto, era tão somente para mais uma vez ‘desfazer’ do bom senso e de resultados que poderiam também beneficiar a Prefeitura. “A Caravana atende as pessoas, como pregamos e sempre defendemos. Já por isso, não teria como não participarmos e mesmo busrcar ou ter essa parceria com o governo constituído. A Caravana deixa um legado muito positivo, com a resolução de problemas. Governador, quando estive em seu gabinete disse claramente, que a Prefeitura de Campo Grande vai dar todo apoio necessário para que a Caravana chegue e faça um bom trabalho também na Capital. Inclusive ampliando para outras especialidades, como já foi anunciado. Desde primeiro instante para trabalharmos pelas pessoas. O que, tudo isso, ou nada mais, estamos aqui para cumprir nossa obrigação e dever como governantes e seres humanos”, discursou Bernal.

Bernal, lembrou que o Projeto e parceria se tornam também especial, porque isto não acontecia no passado, e, que os resultados são imediatos. “Até onde temos o conhecimento, esta é a primeira oportunidade, de que algo igual tenha acontecido no passado com esta proporção de atendimento e com a participação, parceria do governo e prefeitura. E o resultado é este governador, na alegria e realização das pessoas, mostrando ainda que entre nós e no trabalho de governo, não há diferença ideológica, partidária que venha se transformar em empecilho para desenvolver este e outros trabalhos, cujo o proposito é ajudar nosso povo. Parabéns, obrigado pela iniciativa, conte com Campo Grande”, disse.

Caravana da Saúde em Campo Grande

Além das consultas e cirurgias, que já vinham acontecendo, outros 46 serviços serão oferecidos a partir deste sábado. Ao todo, a previsão é de 12 mil cirurgias oftalmológica sejam realizadas em carretas. O projeto fica na Capital, ocupando aquele espaço até 29 de maio. Contudo, como o chefe do Executivo já anunciou muitos serviços e cirurgias, que são muitas ‘represadas’, já tem programação e só se encerram no mês de Julho.

No local, as pessoas têm acesso a exames, como IMC (Índice de Massa Corpórea), glicemia, papanicolau, HIV, pressão arterial, mamografia, ultrassonografia; consultas nas especialidades de dermatologia, odontologia, ortopedia, neurologia, cardiologia, otorrinolaringologia. A edição atende os municípios da microrregião de Saúde liderada por Campo Grande: Terenos, Sidrolândia, Nova Alvorada do Sul, Maracaju, Ribas do Rio Pardo, Jaraguari, Rochedo, Corguinho, Bandeirantes, Camapuã, São Gabriel do Oeste, Rio Negro, Paraíso das Águas, Figueirão, Chapadão do Sul e Costa Rica.

O programa de saúde realizou somente nesta sexta-feira (13), véspera do Dia D, um total de 1.583 consultas e 613 cirurgias oftalmológicas. O agendamento de consultas teve início no dia 10 e já somam 6.191 atendimentos. As cirurgias, que iniciaram no dia 12 de maio, registram 1.236 pacientes operados.

Outros serviços

Além de serviços como emissão de primeira via do RG, título de eleitor, cartão do SUS, casamento na Justiça Itinerante e doação de sangue. O centro de convenções fica na avenida Mato Grosso, 5017, Carandá Bosque.

Comentários

comentários