Policial civil é morto a tiros de fuzil em academia

O investigador da Polícia Civil, Aquiles Chinquin Júnior, foi morto a tiros na noite de ontem (14), em uma academia na cidade de Paranhos, distante a 463 quilômetros de Campo Grande e vizinha de Ypejhu, no Paraguai.

Foto: Porã News
Foto: Porã News

Segundo informações do site Porã News, Aquiles foi morto com tiros de fuzil em uma academia na região central da cidade. Os autores teriam ido até o local e disparado uma rajada, que também teria atingido e deixado outras pessoas feridas.

Após o crime, os autores fugiram em direção ao Paraguai. Aquiles era de Paranhos e teria entrado na Polícia Civil em 2014.

O caso está sendo investigado.

Comentários

comentários