Polícia aguarda depoimento de tenente-coronel que matou marido

A tenente-coronel da Polícia Militar, Itamara Romeira Nogueira, suspeita de matar o marido, Major Valdeni Lopes Nogueira, segue internada em Campo Grande após o homicídio. Debilitada, a polícia aguarda a recuperação para colher o depoimento da militar.

A mulher é suspeita de matar o marido na tarde de ontem (12), com um tiro no tórax durante uma briga. Ferida, Itamara relatou que atirou contra Valdeni em legítima defesa, já que havia sido agredida e ameaçada de morte pelo marido durante a discussão.

Foto: Edição de Notícias/ Reprodução Facebook
Foto: Edição de Notícias/ Reprodução Facebook

O casal, que estava passando por crise no casamento, viajaria nesta semana para passar férias em Maceió.

O corpo do major foi levado para Amambai, onde será sepultado.

O crime

Valdeni foi baleado na tarde de ontem (12) na casa do casal, no bairro Santo Antônio. Ele chegou a ser socorrido, mas morreu após dar entrada na Santa Casa de Campo Grande. Após mais de uma hora de negociação, Itamara, que estava dentro do imóvel, se entregou à polícia.

 

 

Comentários

comentários