Polícia prende caçador que abateu onça-parda em extinção

Policiais Militares Ambientais de Jardim e Bonito (MS) realizavam fiscalização hoje pela manhã na rodovia MS 178, entre Bonito e Bodoquena e ouviram disparos de arma de fogo, nas matas de uma fazenda.
Os policiais entram na vegetação e prenderam um caçador que acabara de abater uma Onça Parda adulta.

Onça-parda adulta foi abatida com tiro de espingarda - Foto: Divulgação/PMA
Onça-parda adulta foi abatida com tiro de espingarda – Foto: Divulgação/PMA

O caçador disse que morava e era funcionário da fazenda e foi multado em R$ 5 mil, preso e encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Bonito. Uma espingarda calibre 22, um revólver calibre 38 e munições, todas sem documentação, foram apreendidas.

O suspeito vai responder pelo crime de caça ilegal e posse ilegal de arma. A pena para caça é de seis meses a um ano de detenção, devido ao animal estar estar na lista de espécies em extinção. Já para porte de arma, a pena varia de um a três anos de detenção.

Foto: Divulgação/PMA
Foto: Divulgação/PMA

A onça-parda será encaminhada para a Capital, onde será empalhada e usada em trabalhos de educação ambiental da PMA.

Comentários

comentários