PMA autua dono de rancho em R$ 5 mil por degradar mata ciliar para construir estrada

Uma equipe da Polícia Militar Ambiental da Capital interditou hoje (28) a construção de uma estrada em um rancho pesqueiro, localizado no loteamento Ceroula, às margens do rio Aquidauana, em Terenos.  A construção da estrada de acesso ao curso d’água provocou a degradação das matas ciliares do rio (área de preservação permanente – APP).

Foto: Divulgação/ PMA
Foto: Divulgação/ PMA

O dono do rancho foi autuado administrativamente e recebeu multa de R$ 5 mil. Ele também responderá por crime ambiental. Se condenado, poderá pegar pena de um a três anos de detenção.

Com uso de máquinas e motosserra, o proprietário, residente na Capital, fez a ‘limpeza’ de uma área de 6 metros de largura por 150 metros de comprimento, sem respeitar a área de preservação permanente (mata ciliar). Toda a atividade foi realizada sem autorização ambiental.

O autuado foi ainda notificado a apresentar junto ao órgão ambiental um plano de recuperação da área degradada (Prade).

Notícias MS

Comentários

comentários