Para Dunga, Brasil precisa evoluir

O técnico Dunga elogiou o poder de decisão do craque Neymar, mas ainda não vê o Brasil pronto para ser campeão, depois da vitória arrancada no apagar das luzes contra o Peru (2-1) na estreia da Copa América, neste domingo, em Temuco.

Dunga disse que Brasil precisa evoluir Foto: Rodrigo Buendia/AFP
Dunga disse que Brasil precisa evoluir Foto: Rodrigo Buendia/AFP

“Neymar jogou três decisões na Espanha (com o Barcelona), o desgaste dele é enorme. Ele quer liderar a equipe e resolver, como resolveu no Barcelona. Neymar não tinha jogado ainda uma Copa América e é uma competição totalmente diferente. Neymar novamente foi decisivo”, declarou Dunga sobre sua estrela.

Apesar do protagonismo de Neymar, que marcou o primeiro gol do Brasil e deu linda assistência para Douglas Costa garantir os três pontos para a seleção, Dunga elogiou também o sistema defensivo da equipe, que anulou o atacante peruano Paolo Guerrero, nova estrela do Flamengo.

“O Guerrero já conhecemos do Brasil, é um jogador excepcional, pode ser considerado um dos melhores atacantes do mundo. Mas o bom trabalho do Miranda, do David Luiz fizeram com que mesmo com a bola, ele não dava sequência ao lance. A defesa estava bem posta, não deu oportunidades ao Peru de chegar ao gol”, analisou o treinador, que não se mostrou surpresa com o comportamento ofensivo do Peru na partida.

“Se o Peru repetir a atuação que fez contra o Brasil, terá grandes chances de se classificar. A maneira como jogou aumentou muito a dificuldade para nós. Se jogar nessa dinâmica, vai incomodar muita gente”, explicou Dunga, campeão da Copa América-2007 na primeira passagem como técnico do Brasil.

Apesar da satisfação com a vitória, Dunga acredita que o Brasil ainda tem muito trabalho pela frente se quiser voltar para casa com a taça de campeão.

“A gente não está pronto. Esperamos que durante a competição a gente alcance o nível para podermos ser campeões. Nessa Copa América, vamos ter que fazer algumas trocas por causa do desgaste, você tem que mudar a equipe para manter o nível elevado do jogo”, concluiu.

BAND

Comentários

comentários