Panamá vai sediar em 2019 a próxima Jornada Mundial da Juventude

O Panamá vai sediar a próxima Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que ocorrerá em 2019. O anúncio foi feito pelo papa Francisco, no último dia da viagem do pontífice à Polônia.

“A providência divina, que sempre nos precede. Ela já decidiu onde será a próxima etapa desta grande peregrinação iniciada, em 1985, por São João Paulo II. Por isso, é com alegria que lhes anuncio que a próxima JMJ, depois das duas a nível diocesano, será realizada no Panamá, em 2019”, disse Francisco, ao término da celebração eucarística de encerramento da edição atual da jornada, em Cracóvia.

Depois, antes da oração do Angelus, o papa disse: “No final desta celebração, quero unir-me a todos vocês, em ação de graças a Deus, Pai de misericórdia infinita, porque nos permitiu viver esta JMJ. Agradeço pelo trabalho e a oração para preparar este evento e a todos os que contribuíram para seu bom êxito”.

Francisco quis dirigir um “obrigado especial” aos jovens, que encheram Cracóvia “com o entusiasmo contagiante da sua fé”. Segundo ele, os dias da Jornada Mundial da Juventude na Polônia foram uma “verdadeira oxigenação espiritual”.

O papa expressou seu desejo de que “que cada um, com suas limitações e fragilidades, possa ser testemunha de Cristo no lugar onde vive, em suas famílias, paróquias, associações e grupos, nos ambientes de estudo, trabalho, diversão”.

Na parte da tarde, o pontífice terá um encontro com os cerca de 20 mil voluntários da JMJ e com o Comitê Organizador. Depois, no aeroporto de Cracóvia, o papa se despedirá da Polônia.

Agência Brasil

Comentários

comentários