Oswaldo faz mistério sobre escalação e elogia Valdivia

Sorridente e tranquilo, o técnico Oswaldo de Oliveira escondeu a escalação do Palmeiras na última entrevista coletiva antes da decisão do Campeonato Paulista, contra o Santos, às 16h deste domingo (3).

Antes do treino fechado desta sexta (1º), o comandante palmeirense fez mistério sobre quem começará a final.

“A única coisa que posso adiantar é que o Fernando Prass vai jogar”, afirmou Oswaldo,sem revelar o provável time, o técnico elogiou a recuperação física do chileno Valdívia.

“Segunda e terça ele fez trabalhos mais individualizados. Na quarta, treinou com o grupo e foi muito bem. Ontem [quinta], a mesma coisa, fez um treino muito bom. Minha expectativa é que hoje [sexta] seja melhor ainda. A evolução dele vai de encontro àquilo que projetamos, que seria arriscado utilizá-lo porque havia possibilidade de sentir. Agora estamos convictos de que ele evoluiu bem. A tendência é que isso vá se somando”, disse.

RIVAL

A comemoração dos atletas santistas após a derrota de 1 a 0 no estádio palmeirense, no primeiro jogo, não caiu bem entre os jogadores alviverdes. Entretanto, Oswaldo compreende o sentimento do rival.

“Certamente um jogo na Vila [Belmiro] faz toda a diferença, por isso eles ficaram tão alegres. Mas ficaram mais alegres por causa do pênalti [desperdiçado por Dudu]. Para nós, o importante foi a nossa vitória. A comemoração deles e a nossa consciência torna o jogo muito mais atrativo. Nós apostamos no que construímos e eles têm outro ponto de vista. Acho muito interessante”, analisou.

Folha.com

Comentários

comentários