Operação para desarticular o PCC acontece em seis cidades de MS

Uma operação de combate ao crime organizado em Mato Grosso do Sul prendeu, nesta sexta-feira (3), uma mulher em Campo Grande e um homem em Três Lagoas, onde um adolescente de 17 anos também foi apreendido. O foco da ação é uma facção criminosa com ramificações dentro e fora dos presídios.

Operação contra crime organizado prende duas pessoas em MS
Operação contra crime organizado prende duas pessoas em MS

A operação Livro Negro tem participação do Grupo Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco), órgão investigativo ligado ao Ministério Público Estadual (MPE), da Polícia Militar e da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen).

O nome da operação faz referência ao integrantes da facção que, por estar em débito, foram punidos ou excluídos da organização criminosa.

De acordo com o Ministério Público Estadual (MPE), sete mandados de busca e apreensão em casas estão sendo cumpridos e outras nove vistorias em celas de presídio estão sendo feitas.

As cidades alvo da operação são Campo Grande, Dourados, Três Lagoas, Aquidauana, Brasilândia e Rio Verde de Mato Grosso.

Ainda segundo o MPE, foram cinco meses de investigação articulada entre o Gaeco, a Agepen e a Polícia Militar. Entre os objetivos estava apurar crimes praticados por egressos e internos do sistema penitenciário. Entre os crimes estão o tráfico de drogas, roubos e furtos.

Ao todo, mais de 90 policiais militares do Batalhão de Choque da PM, do Batalhão de Operações Especiais (Bope), além de três promotores e servidores da Agepen.

Comentários

comentários