Neymar perde pênalti, mas Barça goleia por 7 a 0 e fica perto da final

Com o nome envolvido em uma série de especulações nos últimos dias, relacionadas aos valores de sua transação com o Barcelona, o atacante Neymar até tentou desviar dos rumores extracampo ao atuar contra o Valencia, na quarta, mas não levou sorte.

Neymar perde pênalti, mas Barça goleia (Foto: AFP)
Neymar perde pênalti, mas Barça goleia (Foto: AFP)

Com os catalães já vencendo, o brasileiro teve chance de marcar de pênalti, mas chutou na trave e apenas viu os companheiros de ataque conduzirem o time à vitória. Em ótima fase, Suárez colaborou com três gols, e Messi com outros três.

A goleada por 7 a 0 sobre o Valencia no Camp Nou, no primeiro jogo semifinal da Copa do Rei, deixou o time azul e grená bem perto de mais uma decisão. Brigando pelo bicampeonato,  e pelo 28º título do torneio em sua história, a equipe de Luis Enrique contou com as estreias de Aleix Vidal e Arda Turan, que pela primeira vez saíram jogando em uma partida oficial.

Pelo lado do Valencia, do técnico Gary Neville – que se aventura em sua primeira temporada como treinador -, o brasileiro Guilherme Siqueira, ex-Atlético de Madri, estreou na lateral esquerda, mas pouco pôde fazer para barrar as investidas do ataque azul e grená.

A partida de volta, no estádio Mestalla, está marcada para dia 10 de fevereiro, após o feriado de Carnaval. Do outro lado da chave, disputam uma vaga na final as equipes do Sevilla e do Celta de Vigo.

Suárez rouba a cena, ofusca Neymar e encaminha vitória em 12 minutos

Mesmo com a torcida e a imprensa espanhola em volta de Neymar, alvo de especulações nos últimos dias com relação à investigação da Justiça espanhola, foi o uruguaio Luis Suárez quem roubou as atenções e desviou os holofotes para dentro de campo.

Com apenas 12 minutos de jogo, o camisa 9 já tinha ido a rede duas vezes e dado vantagem ao Barcelona na semifinal da Copa do Rei. O sistema defensivo do Valencia não foi páreo para o trio ofensivo catalão. Logo aos seis minutos, Neymar encontrou Suárez livre e o atacante bateu cruzado.

Aos 11, o uruguaio recebeu de Aleix Vidal – lateral que substituiu Daniel Alves – e só teve o trabalho de escolher o canto para definir para o fundo das redes. O último de Suárez, inclusive, fez o Barcelona ultrapassar a marca dos 100 gols nesta temporada e ajudar a manter o título de melhor ataque da Europa.

Depois de contribuir com assistência no primeiro gol, Neymar – que depôs à Justiça na última terça e mesmo assim foi relacionado para o jogo – também apareceu no terceiro gol. Após jogada de Iniesta, o brasileiro desviou de calcanhar para a bola chegar até Messi, que invadiu a área em velocidade e concluiu rasteiro.

Já nos acréscimos da primeira etapa, após pênalti assinalado pelo juiz, Neymar teve chance de balançar as redes ao ajeitar a bola na marca da cal. No entanto, precipitou-se ao realizar a cobrança e chutou na trave, perdendo a oportunidade de assinalar a goleada antes mesmo do intervalo.

Messi iguala Suárez e sela classificação do Barcelona à final da Copa do Rei

O Barcelona não diminuiu o ritmo na volta dos vestiários. Aos 14 minutos, após troca de passes entre Suárez e Turan, a bola sobrou para Messi, que completou para as redes, transformando a vitória em goleada: 4 a 0. Com um homem a mais em campo, os espaços aumentaram, e o jogo veloz do Barcelona fluiu sem barreiras.

Já perto dos 30, Messi não encontrou barreira e limitação nenhuma para acertar, a uma certa distância, um belo chute, surpreendendo o goleiro Ryan, do Valencia. O quinto gol do Barcelona foi o terceiro de Messi, que tempos depois viu o camisa 9, Luis Suárez, chegar ao terceiro gol na noite.

Insaciável, Suárez voltou a marcar a três minutos do fim do tempo regulamentar, dando números finais à goleada do Barcelona. A vitória por 7 a 0 praticamente mina qualquer chance de reação do Valencia. No entanto, a partida de volta acontecerá em Mestalla, na quarta-feira, após o feriado de Carnaval. (Gazeta Esportiva)

Comentários

comentários