Mulheres do MST bloqueiam MS-162 em Maracaju

Um grupo de aproximadamente 200 mulheres do Movimento Sem Terra (MST), começaram o Dia Internacional da Mulher interditando a MS-162, na entrada da cidade de Maracaju, distante a 158 quilômetros de Campo Grande.

Foto: Maracaju Speed
Foto: Maracaju Speed

 

Segundo informações do Maracaju Speed, a interdição começou logo cedo e apenas ônibus escolares e pessoas com acompanhamento médico puderam passar pelo trecho. Com facões, as manifestantes protestaram sobre a violência contra mulheres e também o agronegócio, com cartazes que diziam: “Agronegócio Mata. Mata rios, Mata indígenas, Mata Mulheres”.

Durante a manifestação, houve um princípio de tumulto com a chegada de um produtor rual que era contra a ação.

Não há previsão para o término da manifestação.

Comentários

comentários