Mulher sofre sequestro relâmpago ao deixar banco na Capital

Uma mulher de 34 anos sofreu um sequestro relâmpago no começo da noite de ontem (18), após sair de um banco na Avenida Gunter Hans, no bairro Tarumã, região Oeste de Campo Grande, na saída para Sidrolandia. Ela foi abordada por um bandido e obrigada a dirigir o próprio veículo.

Carro que era dirigido pela mulher refém de bandido (Foto: TV Morena )
Carro que era dirigido pela mulher refém de bandido (Foto: TV Morena )

 

De acordo com informações do boletim de ocorrência, a vítima saiu do banco por volta das 18h50 e, quando estava entrando no carro, um Hyunday HB20, foi abordada por um bandido, fazendo a menção de estar armado. Ele entrou no veículo pela porta traseira, deu um golpe conhecido como ‘gravata’ na vítima e mandou ela dirigir o automóvel.

Após dirigir por algumas quadras, a vítima foi obrigada a ir para o banco traseiro, onde permaneceu deitada. O bandido roubou o celular da mulher e R$210 em dinheiro.

Durante o tempo que permaneceu com a vítima, o bandido recebeu duas ligações de um suposto comparsa. Depois de algum tempo, ele decidiu que não roubaria o carro, retornou para Avenida Gunter Hans, onde abandonou a vítima e o veículo.

O caso foi registrado na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) da Vila Piratininga.

Comentários

comentários