Mulher de Dourados é a 11ª vítima da dengue no Estado

Dourados registra em menos de 90 dias a segunda morte por dengue em 2015. Ontem, uma mulher de 28 anos, moradora no Parque Alvorada, não resistiu e morreu da doença tipo comum. A outra é a hemorrágica.

CCZ intensificou os trabalhos para eliminar criadouros de mosquito da dengue
CCZ intensificou os trabalhos para eliminar criadouros de mosquito da dengue

Ela é a 11ª vítima da dengue em Mato Grosso do Sul. A Secretaria Municipal de Dourados confirmou o óbito pela doença, ocorrido na última quarta-feira (5).

A vigilância de saúde da cidade afirma que combate a criadouros do mosquito já eram feitos na região e investiga se neste segundo caso a mulher teria contraído dengue na cidade ou fora, bem como o estado de saúde dela, se tinha outra doença que poderia ter agravado o caso.

O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) intensificou os trabalhos para eliminar criadouros de mosquito na região do Parque Alvorada.

O óbito da moradora deve ser contabilizado no próximo boletim da Secretaria Estadual de Saúde (SES), divulgado toda quarta-feira. Com a morte, o Estado já soma 11 óbitos pela doença este ano.

As cidades que lideram com maior quantidade de casos são Campo Grande (2), Sonora (2) e Dourados, que agora também registrou o segundo caso. Desde o início do ano, já foram mais de 29 mil casos notificados.

Comentários

comentários