Mudança de local do Enem custará R$ 12 milhões, diz ministro

A mudança se deve por conta das ocupações em centenas de escolas (Foto: Divulgação)
A mudança se deve por conta das ocupações em centenas de escolas (Foto: Divulgação)

A mudança de data de realização do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) para 191 mil estudantes anunciada nesta semana pelo Ministério da Educação (MEC) custará R$ 12 milhões aos cofres públicos.

O valor foi anunciado na manhã desta quinta-feira (3) pelo ministro Mendonça Filho, em entrevista à Rádio Estadão. Os alunos terão a prova adiada para os dias 3 e 4 de dezembro.

O motivo da transferência é a ocupação de escolas em todo o país, que afeta 303 locais de prova. Inscritos afetados pela mudança serão avisados por SMS, e-mail e na Página do Participante, no site do Enem, que estão dispensados do exame neste fim de semana.

A data de divulgação dos novos locais deve ser na sexta.

Comentários

comentários