Mototaxista desaparece depois de fazer corrida até Nioaque e família pede ajuda

O mototaxista Hildo Paulo Osuna Escardin, de 61 anos, desapareceu na manhã desta sexta feira (17), As informações do O Pantaneiro são de que o trabalhador foi levar um cliente até a cidade de Nioaque, mas até o momento não entrou em contato com a família.

18nio

Por volta das 7h da manhã de sexta, o trabalhador tinha aceitado a acorrida e receberia um valor de R$ 70.

Os colegas de trabalho de Hildo relataram à polícia que ele retornaria em até duas horas da viagem, mas até o momento não apareceu. Seus familiares estão preocupados com a falta de noticia.

O mototaxista está de calça preta com um colete de moto táxi de cor laranja. A moto é uma Honda Fan 150, de cor vermelha metálica, placa HTM-0378. Quem tiver alguma informação sobre o paradeiro de Hildo, ligar para Polícia Militar no 190.

Comentários

comentários